Teresina - PI

Morre aos 68 anos o jornalista Dinavan Fernandes Araújo

O corpo do comunicador será velado a partir das 16h desta segunda-feira (24) no espaço 5 da Pax União.

ANDRÉ DOS SANTOS
- atualizado
  • Foto: Facebook/Dinavan FernandesDinavan Fernandes AraújoDinavan Fernandes Araújo

Morreu na manhã desta segunda-feira (24) o servidor do Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI), Dinavan Fernandes Araújo. Ele tinha 68 anos e estava aposentado desde 2013 por problemas de saúde. O jornalista estava internado no Hospital HTI, onde permaneceu por vários dias com uma hemorragia interna.

Paraibano de Campina Grande, Dinavan chegou ao Piauí nos anos 70, onde se especializou em fotografias de paisagem em escala ampliada e também na cobertura de eventos. Trabalhou com fotografias publicitárias, que até então não eram produzidas no estado, além de fazer coberturas fotojornalísticas para o Governo do Estado. Posteriormente, no início dos anos 80, passou a integrar o TJ-PI sendo responsável pelo acervo de imagens.

Formado em Jornalismo pela Faculdade Santo Agostinho, Dinavan Fernandes Araújo foi idealizador e implementador da Assessoria de Imprensa do Tribunal de Justiça, no início dos anos 2000. Ele trabalhava como colaborador para sites de notícias, digitalizava seu acervo fotográfico e preparava o Memorial Iconográfico da Magistratura Piauiense, que reuniria documentos com objetivo de resgatar e preservar a memória do poder judiciário do Estado.

No último dia 29 de setembro, Dinavan Fernandes Araújo recebeu homenagem da Academia de Letras Jurídicas pelos seus relevantes serviços prestados à Comunicação e ao Poder Judiciário do Estado do Piauí.

Velório

O corpo do jornalista Dinavan Fernandes Araújo será velado a partir das 16h desta segunda-feira (24) no espaço 5 da Pax União, que fica na Avenida Miguel Rosa, próximo ao Corpo de Bombeiros.

Mais conteúdo sobre: