Economia e Negócios

Piauí é o 3º estado com menor arrecadação de impostos no Nordeste

O Piauí foi o sétimo estado na arrecadação de impostos, com R$ 926.772.868,31, ficando atrás de Rio Grande do Norte (R$ 1.211.395.537,09) e Paraíba (R$ 1.230.176.589,64).

Davi Fernandes
Teresina

Levantamento realizado nesta terça-feira (06) pelo GP1, com base nos dados da plataforma Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo, aponta que no último mês de setembro, o Piauí foi o terceiro estado do Nordeste que menos arrecadou impostos.

A plataforma apura a quantia em dinheiro que cada estado recebe em impostos. Com isso, a Bahia foi o estado que mais recebeu no mês passado, sendo um total de R$ 5.291.972.278,45. Na sequência, vem outros estados turísticos do Nordeste, como Pernambuco (R$ 3.849.742.183,71), Ceará (R$ 3.078.422.898,95) e Maranhão (R$ 1.574.640.328,10).

Já o Piauí foi o sétimo estado na arrecadação de impostos, com R$ 926.772.868,31, ficando atrás de Rio Grande do Norte (R$ 1.211.395.537,09) e Paraíba (R$ 1.230.176.589,64). Nas últimas colocações ficaram Alagoas (R$ 874.154.314,45) e Sergipe (R$ 800.929.295,17).

Durante o período de isolamento social por conta do novo coronavíruscovid-19 – a população continuou pagando seus impostos, porém a arrecadação do estado sofreu alteração negativa.

Com o retorno das atividades comerciais, esperava-se que a arrecadação de impostos voltasse a registrar números mais altos, porém a retoma da economia no Piauí ainda segue em ritmo lento, devido aos danos causados pela pandemia.

Confira o ranking entre os estados

1 - BA – R$ 5.291.972.278,45

2 - PE – R$ 3.849.742.183,71

3 - CE – R$ 3.078.422.898,95

4 - MA – R$ 1.574.640.328,10

5 - PB – R$ 1.230.176.589,64

6 - RN – R$ 1.211.395.537,09

7 - PI – R$ 926.772.868,31

8 - AL – R$ 874.154.314,45

9 - SE – R$ 800.929.295,17

NOTÍCIA RELACIONADA

Piauí fecha setembro com R$ 926 milhões em impostos arrecadados