GP1

Eleições 2020

Wellington diz que oposição tem 60% de chance de vencer em Teresina

Wellington destacou ainda que confia nos partidos na condução da estratégia das eleições e reiterou que só vai decidir sobre apoio no segundo turno após as eleições do dia 15 de novembro.

Durante entrevista ao GP1 na manhã desta segunda-feira (26), o governador Wellington Dias (PT) afirmou que a oposição tem 60% de chances de vencer as eleições em Teresina contra o candidato da prefeitura, Kleber Montezuma (PSDB).

Os candidatos a prefeito ligados ao Palácio de Karnak são os ex-secretários Fábio Novo (PT), Fábio Abreu (PL) e Simone Pereira (PSD). Como faz parte da base aliada de Dias, Dr. Pessoa (MDB) também é visto como um dos candidatos aliados ao governo.

  • Foto: DivulgaçãoWellington Dias, durante evento no CEIR em ParnaíbaWellington Dias, durante evento no CEIR em Parnaíba

“As chances quando a gente soma todos os votos da mudança, da oposição, enfim, ele tem hoje algo em torno de 60% dos eleitores já querendo votar em candidaturas com essa característica. Então é real a possibilidade de vitória”, afirmou.

2º turno

Wellington destacou ainda que confia nos partidos na condução da estratégia das eleições e reiterou que só vai decidir sobre apoio no segundo turno após as eleições do dia 15 de novembro.

“Quem trata da condução da estratégia da eleição são os partidos, e eu confio na liderança dos partidos que tem uma coordenação para cada candidatura, e tem uma compreensão em campo político. De verdade, eu acho que agora a gente só pode voltar a trabalhar uma nova estratégia a não ser que haja algum fato superveniente, algo novo, eu acho que é logo que terminar o primeiro turno. Quando terminar o primeiro turno eu acho que é hora de sentar para poder trabalhar a estratégia do segundo turno”, explicou.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Instituto GP1: Dr. Pessoa lidera nas zona sul, sudeste e rural; Kleber nas zonas leste e norte

Fábio Abreu e Kleber são os candidatos mais rejeitados, aponta Instituto GP1

Dr. Pessoa 26,14%, Kleber 23,11% e Fábio Abreu 12,92%, aponta Instituto GP1

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.