GP1

Teresina - Piauí

Luciano Nunes não acredita que Kleber Montezuma deixe o PSDB

“O que tenho percebido é que a franca maioria do partido permanece", disse o presidente estadual do PSDB.

O ex-deputado Luciano Nunes, presidente do PSDB no Piauí, disse não acreditar que Kleber Montezuma vá deixar a sigla tucana. Em entrevista à imprensa na manhã desta segunda-feira (11), ele afirmou que nenhum nome do partido tem manifestado desejo de se desfiliar, com exceção de Washington Bonfim, que anunciou sua saída recentemente.

“O que tenho percebido é que a franca maioria do partido permanece. Fora o professor Washington, não vi nenhuma declaração pública e nem me comunicaram o desejo de deixar o partido, mas são decisões individuais e absolutamente legítimas que temos que respeitar”, declarou Luciano Nunes.

Foto: Lucas Dias/GP1Luciano Nunes
Luciano Nunes

O presidente estadual do PSDB ressaltou que Kleber Montezuma é um quadro importante, com funções centrais dentro do partido. Luciano Nunes reforçou que o ex-secretário até o momento não falou com os correligionários sobre a possibilidade de desfiliação.

“O professor Kleber é um quadro do partido, disputou a eleição para prefeito da capital e ele tem colocado pretensão de pré-candidatura ao Senado. Ao partido não houve nenhuma comunicação, ele continua [no PSDB], inclusive é coordenador do plano de governo desse grupo de trabalho que elabora propostas para essa aliança que se anuncia do PSDB e Progressistas, isso é o que tenho de concreto, o resto são especulações”, finalizou Luciano Nunes.

Possível saída

Na última quinta-feira (07) Montezuma concedeu entrevista ao GP1 onde admitiu a possibilidade de deixar o PSDB. "Em se confirmando a minha pré-candidatura ao Senado eu vou ser obrigado a deixar o PSDB, já que na chapa já temos o doutor Sílvio que é do partido. O PSDB não tem densidade para ter dois espaços nessa chapa", disse o ex-secretário na ocasião.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.