GP1

Teresina - Piauí

Nerinho reforça permanência na base e diz que não seguirá JVC

"Esperamos que ele [Jefferson] reveja a posição do PTB de não coligar com esquerda", disse o deputado.

O deputado estadual piauiense Nerinho concedeu entrevista à imprensa nessa terça-feira (11) para falar sobre a situação do PTB nas eleições de 2022. Ele confirmou que participará da conversa com dirigente nacional do partido, Roberto Jefferson dia 20 em Brasília e antecipou que, se for mantida a resolução que proíbe aliança com partidos de esquerda, ele será obrigado a deixar a legenda e buscar outra sigla que esteja na base do governador Wellington Dias (PT-PI).

"Esperamos que ele [Jefferson] reveja a posição do PTB de não coligar com partidos de esquerda, pois esta resolução nos obriga a deixar [o PTB] e buscarmos outra coligação. Caso Jefferson tenha a proposta de mudar essa decisão regimental, poderemos continuar no PTB. Mas, caso decida manter, teremos que sair do PTB”, disse o parlamentar.

Foto: Alef Leão/GP1Nerinho
Nerinho

“O caminho natural é continuarmos na base. Lógico que tudo vai depender também da resolução do Congresso Nacional, do que vai acontecer. Vamos esperar as resoluções de Brasília acontecer. Vamos sentar com calma e transparência, deixando claro que seguiremos na base do Governo”, sentenciou.

Quanto a decisão do ex-presidente do PTB, ex-senador João Vicente Claudino, de deixar a sigla para buscar abrigo em um partido de oposição para viabilizar uma possível candidatura ao Governo do Piauí em 2022, Nerinho disse que esta é uma posição pessoal do ex-líder petebista e reforçou que não seguirá com JVC.

“Essa é uma decisão de João Vicente, é pessoal. Iremos conversar e temos conversado sobre isso. Da parte dele não existe pressão [para os deputados migrarem para oposição] pelo contrário, ele entende que somos governo, eu e a deputada Janainna Marques”, finalizou Nerinho.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.