GP1

Teresina - Piauí

Dudu não descarta convocar ex-secretários de Finanças para CPI

“Poderemos convocar tanto o atual [secretário de Finanças] como os ex-secretários, é natural", disse.

O presidente da CPI do Transporte Público de Teresina, vereador Dudu Borges, afirmou nesta sexta-feira (30) que poderá convocar ex-gestores da Secretaria de Finanças, bem como o atual comandante da pasta, o vice-prefeito Robert Rios Magalhães, para ajudar nos trabalhos da comissão.

“Se houver necessidade de ter outras oitivas faremos para que tenhamos mais clareza do que vamos estar apresentando, não tem problema nenhum e nem dificuldades em fazer essas convocações. Poderemos convocar tanto o atual [secretário de Finanças] como os ex-secretários se sentirmos essa necessidade, isso é natural.”, declarou Dudu.

Foto: Lucas Dias/GP1Vereador Dudu
Vereador Dudu

“Podemos convocá-los para que eles possam estar aqui dando as suas informações assim como chamamos os ex-procuradores do município e atuais e os ex-superintendentes e atuais da Strans porque envolve o sistema como um todo e a prefeitura não é em único lado”, explicou o vereador Dudu.

Mais de um relatório

Quanto à quantidade de relatórios que está sendo produzida, Dudu explicou que cada membro da CPI pode produzir o seu relatório, mas que eles serão juntados ao relatório de Enzo Samuel, relator da comissão, mas que, se houver alguma divergência e os vereadores não chegarem a um acordo, que o assunto será levado ao plenário.

“O relatório está em curso, o vereador Enzo deve estar produzindo o dele, que é o relator principal, e todos nós da comissão estamos preparando o nosso relatório para condensar ao dele. Se tiver divergência de relatórios eu posso convocar os relatórios para o plenário da Câmara, mas não quero acreditar que precise, espero que a gente não tenha divergência de relatórios, eu tenho o meu porque estou fazendo as minhas checagens, todo o meu apanhado tenho todo o esboço na minha mão, óbvio que vou discutir com o vereador Enzo e se tiver alguma divergência a gente vai debater e se não for sanado aí vai para aprovação do pleno”, explicou Dudu.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.