GP1

Teresina - Piauí

Corpo é encontrado às margens da Avenida Josué de Moura Santos

Segundo o DHPP, foi encontrada uma perfuração por arma branca na região do pescoço da vítima.

Alef Leão/GP1 1 / 8 Corpo é encontrado às margens da Avenida Josué de Moura Santos Corpo é encontrado às margens da Avenida Josué de Moura Santos
Alef Leão/GP1 2 / 8 Delegado Bruno Ursulino Delegado Bruno Ursulino
Alef Leão/GP1 3 / 8 IML foi acionado para remover o corpo do homem IML foi acionado para remover o corpo do homem
Alef Leão/GP1 4 / 8 Perícia no local onde o corpo foi encontrado Perícia no local onde o corpo foi encontrado
Alef Leão/GP1 5 / 8 IML no local onde o corpo foi encontrado IML no local onde o corpo foi encontrado
Alef Leão/GP1 6 / 8 Perícia criminal Perícia criminal
Alef Leão/GP1 7 / 8 Perito da Polícia Civil no local do crime Perito da Polícia Civil no local do crime
Alef Leão/GP1 8 / 8 Delegado Bruno Ursulino, do DHPP Delegado Bruno Ursulino, do DHPP

O corpo de um homem ainda não identificado foi encontrado na manhã desta segunda-feira (17), às margens da Avenida Josué de Moura Santos, no bairro Aroeiras, zona norte de Teresina.

Conforme o delegado Bruno Ursulino, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), foi encontrada uma perfuração por arma branca na região do pescoço da vítima. “O DHPP foi acionado e nós verificamos a veracidade da informação. Vimos que o corpo de um homem tinha sido abandonado nessa região. Nós verificamos que ele tem uma perfuração por arma branca na parte detrás do pescoço e os peritos vão determinar se essa foi a causa da morte”, informou o delegado.

Ainda conforme o delegado Bruno Ursulino, a vítima ainda não foi identificada e os primeiros levantamentos apontam que o corpo foi abandonado há mais de 24 horas no local onde foi encontrado. “Ainda não temos a identificação da vítima, então não é possível falar ainda sobre suspeitos. Pelo visto ele foi abandonado há cerca de um dia e meio, tendo em vista os sinais apresentados no corpo e analisados no local. No entanto, vamos levantar maiores informações, os peritos estão fazendo o levantamento do local do crime e vão analisar o corpo por completo”, frisou Bruno Ursulino.

O Instituto de Medicina Legal (IML) foi acionado para fazer a remoção do corpo logo após o trabalho da perícia criminal. O DHPP vai investigar o caso.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.