GP1

Teresina - Piauí

Vídeo mostra mulher sendo atacada e estuprada em Teresina

Policiais da Força Tarefa prenderam o acusado em uma lagoa na zona sul da capital nesta manhã.

A Força Tarefa da Secretaria de Segurança Pública do Estado do Piauí (SSP-PI) prendeu, na manhã desta segunda-feira (16), um homem identificado apenas pelas iniciais F.A.D.S., acusado de estuprar uma funcionária de um depósito de gás na zona sul de Teresina, no último sábado (14). Uma câmera de segurança flagrou o exato momento em que o acusado cometeu o crime, por volta de 18h10.

Pelas imagens, é possível observar o momento em que ele ataca e agarra a vítima em um local isolado. A vítima ainda tenta se desvencilhar do acusado, entrando em luta corporal, mas acaba sendo carregada para outro local, fora do foco da câmera, onde ocorreu o crime.

A Força Tarefa da Secretaria de Segurança Pública do Estado do Piauí (SSP-PI) prendeu, na manhã desta segunda-feira (16), um homem identificado apenas pelas iniciais F.A.D.S., acusado de estuprar a funcionária de um depósito de gás na zona sul de Teresina, no último sábado (14). Um vídeo mostra o exato momento em que a mulher é atacada. Dcom Pmpi Polícia Militar do Piauí PMPI #PortalGP1 #GP1 #policiamilitar

Posted by GP1 - O 1º Grande Portal de Notícias do Piauí on Monday, May 16, 2022

Segundo o cabo Jairo, da Força Tarefa, o acusado responde a pelo menos outros três crimes de estupro, inclusive contra a própria sobrinha cadeirante em Campo Maior. “O elemento é acusado de ter cometido no mínimo quatro estupros, inclusive de uma cadeirante em Campo Maior, da própria sobrinha. Agora no sábado ele cometeu um estupro contra a funcionária de um depósito de gás”, relatou o cabo.

Ele foi conduzido para a Central de Flagrantes de Teresina para os procedimentos cabíveis ao caso e está à disposição da Justiça.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.