GP1

Política

Tererê fica gravemente ferido após ser atropelado em Teresina

O acidente ocorreu por volta das 19 horas, desse sábado (26), e Tererê foi levado pela ambulância do SAMU para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT), onde segue internado.

O ex-deputado estadual Deusimar Britto, o Tererê (PTC), ficou gravemente ferido depois de ser atropelado por uma motocicleta, na noite deste sábado (26), na rodoviária que fica localizada na Ladeira do Uruguai, zona leste de Teresina. De acordo com o sobrinho do ex-parlamentar, Fagner Amaral, o tio estava na área reservada para embarque e desembarque de passageiros quando foi surpreendido pelo veículo que estava em alta velocidade e levava duas pessoas no momento da colisão.

O acidente ocorreu por volta das 19 horas e Tererê foi levado pela ambulância do SAMU para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT), onde segue internado.

  • Foto: GP1Ex-deputado Tererê sofre acidente na Ladeira do UruguaiEx-deputado Tererê sofre acidente na Ladeira do Uruguai


"Ele estava na área reservada para ônibus onde ficam os passageiros. Ele ia pegar um ônibus para retornar à Parnaíba quando a moto, em alta velocidade, invadiu o local e o colheu violentamente. Meu tio subiu muito alto e bateu a cabeça no chão e ficou desacordado por alguns minutos e foi, aos poucos, recobrando a consciência. Ele foi socorrido pelo SAMU e levado para o HUT, onde passou por exames", detalhou Fagner ao GP1.

Ainda de acordo com o sobrinho do ex-deputado, o tio estava sangrando pelo ouvido e havia suspeita também de fratura na região do quadril. "Devido ao sangramento no ouvido havia suspeita de hemorragia interna, que já foi descartada pelos exames. Mas, parece que tem uma lesão no quadril e também no ouvido. Nesse momento o quadro dele é estável. Amanhã deve sair um novo boletim sobre o estado dele", falou.

Fagner disse ainda que o casal que provocou o acidente também foi levado para o HUT. "Eles também foram levados pelo SAMU. Inclusive, tinha até bebida com eles. Mas, não podemos afirmar que estavam embriagados porque não foi feito o teste do bafômetro", concluiu Amaral.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.