GP1

Acusado de matar no trânsito, Junno Pinheiro vai receber homenagem

Ele dirigia um Audi quando colidiu em uma banca de revistas matando um jovem que também estava no carro.

Envolvido no acidente de trânsito que culminou na morte do arquiteto João Vitor Oliveira Campos Sales, o empresário Junno Pinheiro será homenageado com a Medalha do Mérito Renascença, a mais alta comenda honorífica do Estado do Piauí.

O empresário, após ingerir bebida alcoólica, teria participado de racha em via pública e no decorrer da corrida, onde atingiu a velocidade de 211,1 km/h, colidiu o veículo contra barrancos de concreto e contra uma banca de revistas, ocasionando a morte do arquiteto, em razão dos traumas decorrentes da colisão.

Foto: Facebook/Divulgação-Corpo de BombeirosEmpresário Junno Pinheiro Campos Sousa e seu veículo após acidente
Empresário Junno Pinheiro Campos Sousa e seu veículo após acidente

Junno Pinheiro foi colocado no banco dos réus depois que a Justiça recebeu a denúncia por homicídio doloso. Ele poderá ser submetido a julgamento pelo Tribunal Popular do Júri.

A honraria será entregue em Parnaíba, no decorrer das festividades alusivas ao Dia do Piauí.

Quem é Junno Pinheiro

Junno Pinheiro Campos de Sousa é empresário com participação em 17 CNPJs com empresas no Piauí e Maranhão. A empresa mais antiga é a The Service Equipamentos Medico e Hospitalar Ltda, aberta em 06/02/2017, em Teresina, e a mais recente é a VM Derivados do Petróleo Ltda, aberta em 22/10/2020, em Parnaíba. O capital social das empresas somam cerca de R$ 2.580.000,00. 

Homenagem

A entrega da Medalha do Mérito Renascença é uma homenagem simbólica que o povo do Piauí concede às pessoas que se dedicam integralmente em prol do desenvolvimento estadual e uma forma de agradecer a todos os que fazem o serviço público.

Confira o deocumento abaixo:

Foto: DivulgaçãoJunno Pinheiro receberá homenagem
Junno Pinheiro receberá homenagem

O acidente

O arquiteto João Vitor Oliveira Campos Sales, de 23 anos, morreu no dia 1º de julho de 2019 depois que o veículo de luxo modelo Audi, de cor vermelha, onde ele estava e que era conduzido pelo empresário Junno Pinheiro Campos de Sousa, de 37 anos, colidiu em uma banca de revistas, no Complexo Ponte Estaiada, na Avenida Raul Lopes, zona leste de Teresina.

Junno Pinheiro foi levado para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT) e teve um corte na testa e outro atrás da cabeça, mas logo recebeu alta.

*** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do GP1

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.