Djalma entra com novo recurso e prescrição do caso Donizetti se aproxima

- atualizado

O ex-vereador Djalma Filho, acusado de ser o mandante do assassinato do jornalista Donizetti Adalto, crime ocorrido em 1998, ingressou com um novo recurso no Superior Tribunal de Justiça – STJ.

O recurso, protocolado no dia 01 de março de 2019, é chamado de Embargos de Declaração nos Embargos de Declaração nos Embargos de Declaração nos Embargos de Divergência no Agravo Regimental no Agravo em Recurso Especial, e por aí vai.

  • Foto: Facebook/Djalma Filho- DivulgaçãoDjalma Filho e Donizetti AdaltoDjalma Filho e Donizetti Adalto

Djalma vem, desde 2009, procrastinando no STJ, com sucesso, o desfecho do caso, deixando a sociedade atônita.

A luz amarela da prescrição está acesa.

O crime vai prescrever no dia 19 de janeiro de 2020.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

STJ nega mais um recurso ao ex-vereador Djalma Filho

STJ vai julgar mais um recurso do ex-vereador Djalma Filho

Caso Donizetti Adalto: Contagem regressiva para a prescrição

Voltar para a home

Todo conteúdo, imagem e/ou opiniões constantes aqui neste espaço são de responsabilidade civil e penal exclusiva do colunista. O material aqui divulgado não mantém qualquer relação com a opinião editorial do GP1.

Sobre o autor

Herbert Sousa é jornalista. Contato: (86) 9 8806-8907 / (86) 9 9436-9811