Luciano Hang oferece R$ 100 mil por 'terrorista' que incendiou estátua

- atualizado

O empresário Luciano Hang, dono da rede Havan, está oferecendo R$ 100 mil para quem tiver informações verídicas que levem ao “terrorista” que ateou fogo em uma réplica da estátua da liberdade em frente a uma loja da empresa, na cidade de São Carlos (SP).

Em um vídeo postado em suas redes sociais, o empresário aparece vestido de xerife e afirma que “é como se fazia no velho Oeste. Para pegar o bandido o xerife dava recompensa”.

"Estamos em busca do responsável pelo ataque terrorista, queimando nossa estátua da liberdade em São Carlos. Você tem provas? Sabe quem foi? Entre em contato pelo telefone 0800 765 5571, forneça as informações e se a polícia constatar que é verídico, vamos pagar R$ 100 mil", escreveu.

No vídeo, o Luciano Hang ainda ressalta que o laudo pericial da polícia comprovou que o incêndio foi criminoso.

Voltar para a home

Todo conteúdo, imagem e/ou opiniões constantes aqui neste espaço são de responsabilidade civil e penal exclusiva do colunista. O material aqui divulgado não mantém qualquer relação com a opinião editorial do GP1.

Sobre o autor

Herbert Sousa é jornalista. Contato: (86) 9 8806-8907 / (86) 9 9436-9811