GP1

Coronavírus no Piauí

Voo atrasa e pacientes de Manaus com covid-19 chegarão às 18h em Teresina

De acordo com a FMS, a “logística no abastecimento de oxigênio no avião da Força Aérea Brasileira sofreu um atraso”.

O avião da Força Aérea Brasileira (FAB) que vai trazer de Manaus (capital do Amazonas) para o Hospital Universitário da Universidade Federal do Piauí (HU/UFPI) em Teresina, 30 pacientes infectados com covid-19 só chegará a capital piauiense às 18h e não às 13h como estava previsto inicialmente. A informação foi confirmada à imprensa por meio de nota emitida pela Fundação Municipal de Saúde (FMS) na tarde desta quinta-feira (14).

De acordo com a FMS, a “logística no abastecimento de oxigênio no avião da Força Aérea Brasileira sofreu um atraso”.

Nota

“A Fundação Municipal de Saúde informa que, em função de problemas de logística no abastecimento de oxigênio no avião da Força Aérea Brasileira que traria os pacientes de Manaus/AM para Teresina, o voo sofreu um atraso e sua chegada está prevista para às 18h”

Foto: Lucas Dias/GP1Hospital Universitário da Universidade Federal do Piauí
Hospital Universitário da Universidade Federal do Piauí

Suporte

Serão disponibilizados para o atendimento a estes 30 pacientes: 3 ambulâncias básicas, uma intermediária, 2 avançadas do Samu de Teresina. Além de uma ambulância básica e uma avançada da Secretaria de Saúde do Estado do Piauí (Sesapi). Também será utilizada uma van do Hospital Universitário.

Entenda o caso

O Hospital Universitário da Universidade Federal do Piauí vai receber, nesta quinta-feira (14), 30 pacientes de Manaus infectados com covid-19. O transporte será feito pelo avião da Força Aérea Brasileira (FAB). A previsão é que os pacientes cheguem ao Aeroporto Senador Petrônio Portella às 18h.

Durante entrevista ao GP1, o médico Gilberto Albuquerque, presidente da Fundação Municipal de Saúde, informou que a Prefeitura de Teresina dará todo o suporte relacionado à logística.

"Todos eles irão para o HU, são 30 pacientes. Já organizamos a logística de recebimentos dos pacientes. Ambulâncias avançadas, equipe de triagem, oxigênio, máscaras, cadeiras de rodas, apoio de transporte. O Hospital Universitário irá receber os pacientes", detalhou o médico.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) municipal será o responsável pela remoção dos pacientes do aeroporto para o HU. Foram disponibilizadas 11 ambulâncias, sendo duas de suporte avançado e nove de suporte básico para fazer a transferência. A Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) também providenciou duas ambulâncias para esse transporte.

O Centro de Operações em Emergências (COE) municipal também está envolvido no recebimento dos pacientes.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.