GP1

Eleições 2022

Deputado Carlos Augusto diz que reunião do PL foi adiada

“Não houve a reunião devido a impossibilidade de reunir todos por conta das agendas", disse o deputado.

A reunião do Diretório do PL do Piauí que seria realizada nessa terça-feira (23), acabou sendo adiada. A impossibilidade da presença de todos os deputados e líderes liberais, impossibilitou o encontro que trataria, dentre outras pautas, dos encaminhamentos do partido devido a filiação do presidente da República, Jair Bolsonaro, marcada para o próximo dia 30 de novembro.

O deputado estadual Carlos Augusto conversou com o GP1 nesta quarta-feira (24). Ele explicou que a reunião será em nova data. “Não houve a reunião devido a impossibilidade de reunir todos por conta das agendas dos depositados que estão fora de Teresina”, explicou o parlamentar.

Foto: Lucas Dias/GP1Coronel Carlos Augusto
Coronel Carlos Augusto

Filiação

O PL do Piauí vive um momento de incertezas por conta da entrada de Jair Bolsonaro, que é adversário dos partidos de esquerda. No Estado, o PL sempre caminhou com o governador Wellington Dias, que é do PT. Esse impasse precisa ser amplamente debatido, para evitar problemas futuro, sobretudo, para os fiéis defensores de Wellington.

Aval nacional

Mesmo com a palavra do presidente nacional da agremiação, Valdemar Costa Neto, dando total autonomia para o PL do Piauí, existe um clima de total insegurança no Estado. Isso porque, Bolsonaro é adversário de primeira hora do PT e o temor é que no futuro, venha algum tipo de imposição para que haja rompimento com Governo Wellington Dias. Por esse motivo, a necessidade de uma discussão ampla e cautelosa para evitar problemas no ano que vem.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.