GP1

Esportes

Corinthians duela com a Ponte Preta neste sábado

Treinador Vitor Pereira estreou com revés para o São Paulo e agora busca sua primeira vitória.
Por Estadão Conteúdo

Passada a estreia no comando do Corinthians com revés para o São Paulo no Morumbi, Vitor Pereira teve uma semana cheia para começar a mostrar nos treinos o que quer de seus atletas. O treinador espera que esses cinco dias sem jogos, algo raro no calendário do futebol brasileiro, sejam fundamentais para o time lhe dar sua primeira vitória à frente da equipe alvinegra neste sábado, às 18h30, em duelo da penúltima rodada da fase de grupos do Campeonato Paulista. O adversário na Neo Química Arena é a Ponte Preta.

Líder do Grupo A, com 17 pontos, seis a mais que a Inter de Limeira, o Corinthians tem cinco vitórias, dois empates e duas derrotas no Paulistão. O ataque marcou 12 gols, enquanto a defesa foi vazada sete vezes no torneio estadual. A equipe alvinegra já está garantida no mata-mata.

Um dos principais desafios de Vitor Pereira é tornar o time mais intenso e agressivo, defensiva e ofensivamente. Ele está convencido de que isso é possível mesmo com a média de idade avançada do elenco, que conta com vários atletas com mais de 30 anos. O português admite ter jogadores lentos. Por isso, o plano é sufocar a Ponte em seu campo adiantando a marcação e até usar Cássio como um espécie de zagueiro para cortar eventuais contra-ataques adversários.

A tendência é de que use até três jogadores adiantados, obrigando a rival a dar o chutão e se livrar da bola ou forçar o erro que deixará o time perto do gol. Róger Guedes, Giuliano, Willian e por vezes Paulinho serão os incumbidos de apertar a saída de bola.

Depois do revés para o São Paulo no Morumbi, Vitor Pereira estará pela primeira vez no banco de reservas na Neo Química Arena, onde ele acompanhou dos camarotes, antes de assumir o comando alvinegro, o duelo com o Red Bull Bragantino. Livre de uma indisposição estomacal, o atacante Jô voltou a treinar durante a semana e está à disposição do técnico.

Liberada pelo governo estadual para receber 100% de sua capacidade pela primeira vez em 2022 após a mudança de procotolos da covid-19, a arena em Itaquera deverá ter um bom público.

Tabu em jogo em Itaquera

Na zona de rebaixamento, a Ponte Preta desafia um tabu contra o Corinthians. O time campineiro não depende mais apenas de si para escapar do rebaixamento à Série A2, e tenta vencer o rival da capital pela primeira vez na Neo Química Arena

Os números na casa do rival são ruins. Nas oito vezes em que visitou o Corinthians na Neo Química Arena, a Ponte Preta foi derrotada em sete delas - a outra terminou empatada. Além disso, foram apenas três gols marcados e 14 sofridos.

Sem vencer no Paulistão há cinco jogos - quatro derrotas e um empate - a Ponte Preta não só amarga a lanterna do Grupo D como também aparece na penúltima colocação da classificação geral, com oito pontos.

Hélio dos Anjos não pode contar com quatro jogadores que estão emprestados pelo Corinthians: o zagueiro Léo Santos, o lateral-direito Igor Formiga, o volante Matheus Jesus e o meia Fessin.

O principal desfalque, porém, é Lucca. Autor de seis dos oito gols da Ponte no Paulistão, o atacante e capitão sentiu uma lesão no joelho esquerdo e sequer viajou. O zagueiro Dedé, que falhou no gol do Água Santa, sequer foi relacionado, assim como os laterais Norberto e Guilherme Santos, o volante Marcos Júnior e o atacante Niltinho.

"Passei a semana falando muito com o grupo, individualmente, mas também não deixamos de treinar, com treinamentos fortes. Uma coisa que posso frisar é que esse grupo tem um nível de trabalho muito alto. Eles (jogadores) têm demonstrado uma vontade muito grande", disse Hélio dos Anjos.

CORINTHIANS X PONTE PRETA

CORINTHIANS - Cássio, Fagner, João Victor, Gil e Lucas Piton; Du Queiroz, Giuliano, Paulinho, Renato Augusto e Willian; Róger Guedes. Técnico: Vitor Pereira.

PONTE PRETA - Ygor Vinhas; Kevin, Thiago Lopes, Fabrício e Jean Carlos; Moisés Ribeiro, Léo Naldi, Wesley e João Pedro; Pedro Júnior e Ribamar. Técnico: Hélio dos Anjos.

ÁRBITRO - Luiz Flávio de Oliveira

HORÁRIO - 18h30

LOCAL - Neo Química Arena

TRANSMISSÃO - Paulistão Play, Youtube, Premiere

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.