Fechar
GP1

Esportes

Endrick rejeita comparações a Pelé e critica imprensa após amistoso

O atacante se igualou a Pelé e Coutinho ao marcar três gols pelo Brasil antes de atingir a maioridade.

Autor do gol da vitória por 3 a 2 contra o México, o atacante Endrick chegou a uma marca histórica na Seleção Brasileira. O jovem se igualou a Pelé e Coutinho como os únicos jogadores até o momento a marcarem pelo Brasil antes de chegarem a 18 anos.

Além disso, Endrick conseguiu fazer gol em três jogos consecutivos, assim como Pelé. No entanto, o atleta ex-Palmeiras rechaçou as comparações com o “Rei do Futebol” e criticou a imprensa em coletiva neste domingo (09), após o amistoso.

“Sempre tive na minha cabeça que vocês [jornalistas] criam coisas de vocês, vocês criam coisas malucas. Quando eu era menor, quando eu tinha 16 anos, eu via bastante rede social, não vou mentir. Ficavam me comparando com Vitor Roque, ficavam me comparando com Pelé. Vocês são malucos. Pelé foi o Pelé”, disse. Além disso, o atacante ressaltou que cada jogador tem a sua história e disse que as comparações são “algo feio” da parte dos jornalistas.


“Vocês não devem ficar comparando com ninguém, pra mim isso é feio, e cada um tem sua história, sua realidade, da onde veio e o que passa para poder jogar. E vocês querem ficar comparando. É só deixar fazer história (...) Vários jogadores vieram de baixo, outros de berço de ouro, então é um pouco feio pra vocês ficarem comparando e é só desfrutar do futebol brasileiro”, concluiu.

Endrick ainda tem oportunidade de ampliar a marca, já que completa 18 anos apenas no dia 21 de julho, depois da Copa América. O próximo jogo da Seleção Brasileira será na quarta (12), contra os Estados Unidos, no último amistoso de preparação ao torneio.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2024 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.