GP1

Belo Horizonte - Minas Gerais

Cruzeiro elimina Remo nos pênaltis na Copa do Brasil

Em outro jogo da rodada, Fortaleza derrota o Vitória, em Salvador, por 1 a 0, e fica com a vaga.
Por Estadão Conteúdo

Cruzeiro e Fortaleza carimbaram mais duas vagas nas oitavas de final da Copa do Brasil na noite desta quinta-feira. Os mineiros precisaram dos pênaltis para passar pelo Remo, em Minas, enquanto os cearenses voltaram a vencer o Vitória, só que agora em Salvador.

Com a estrela do goleiro Rafael Cabral, o Cruzeiro venceu o Remo, por 1 a 0, no tempo normal, e depois por 5 a 4 nas cobranças de pênalti, em confronto nervoso na Arena Independência, em Belo Horizonte. O time paraense havia vencido o duelo de ida por 2 a 1.

Edu fez o gol do Cruzeiro no tempo normal e forçou a decisão nas cobranças de pênalti. Rafael Cabral defendeu quatro cobranças do Remo e garantiu a vitória por 5 a 4, mantendo o time vivo na briga pelo heptacampeonato.

Com gol de Yago Pikachu, o Fortaleza voltou a vencer o Vitória, desta vez por 1 a 0, no Barradão, em Salvador. O time cearense administrou a boa vantagem construída no confronto de ida, quando fez 3 a 0, no Castelão. O futebol apresentado não foi o dos melhores, apesar da vitória.

O curioso deste confronto é que antes de a bola rolar, o Fortaleza comunicou via assessoria que o atacante Renato Kayzer, relacionado para a partida, foi liberado às presas para acompanhar o nascimento do segundo filho, deixando o técnico Juan Vojvoda com uma opção apenas no ataque.

Todos os classificados às oitavas de final garantiram premiação de R$ 3 milhões e conhecerão seus adversários através de sorteio realizado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.