Teresina - PI

Audiência de acusado de assassinar criança no Promorar é suspensa

Ele é acusado de participação na morte do menino Phillip Hatus de Lima Guerra, assassinado na porta de casa, em 2014.

Brunno Suênio
Teresina
- atualizado

A audiência de instrução e julgamento de Francisco das Chagas dos Santos Machado Sobrinho, mais conhecido como Frank, acusado de participação na morte do menino Phillip Hatus de Lima Guerra, assassinado na porta de casa em 2014, no bairro Promorar, zona sul de Teresina, foi suspensa pelo juiz Antônio Reis de Jesus Nollêto, da 1ª Vara do Tribunal do Júri, na manhã desta quarta-feira (06).

Uma testemunha arrolada pelo Ministério Público do Piauí não compareceu à audiência. Por considerá-la peça fundamental para a acusação, a promotoria reforça que ela deve ser localizada para corroborar com o processo, já que é testemunha ocular do crime.

  • Foto: DivulgaçãoFrancisco das Chagas dos Santos Machado SobrinhoFrancisco das Chagas dos Santos Machado Sobrinho

Com isso, o juiz Antônio Reis de Jesus Nollêto determinou novas diligências no sentido de localizá-la e uma nova audiência de instrução e julgamento será remarcada com data prevista para o mês de dezembro. Frank será novamente intimado por meio de edital, pois se encontra foragido desde o ano de 2016, quando ele conseguiu escapar da Casa de Custódia de Teresina se passando pelo próprio irmão, que tinha ido visita-lo no sistema prisional.

O crime

Na noite do dia 18 de fevereiro de 2014, Phillip Guerra, de 6 anos, foi morto por disparos de arma de fogo efetuados por menor de iniciais J. A. dos S., 15 anos, que estava na garupa da motocicleta pilotada por Francisco. O crime ocorreu na Rua Francisca Claudino, na Vila Carolina, no bairro Promorar.

Segundo denúncia do Ministério Pública à Justiça, o crime se deu quando Francisco das Chagas e o menor procuravam por um desafeto e que, não obtendo êxito, o menor efetuou tiros em direção ao local onde se encontrava a criança, sua mãe e irmão, que esperam uma pizza na frente de casa.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

TJ-PI nega liberdade a acusado da morte de Phillip Guerra

Suspeito de cometer seis homicídios em Teresina é preso em Timon

Sejus investiga fuga de detento da Casa de Custódia de Teresina

Mais conteúdo sobre: