Teresina - PI

Empresa Dudico fecha as portas no Piauí e demite 400 funcionários

O diretor do Sintriapi, Antônio Pitombeira Neto, informou que os diretores de Fortaleza da empresa Dudico, estiveram reunidos com os representantes do Sindicato e comunicaram o fechamento.

Davi Fernandes
Teresina
- atualizado

A empresa Dudico encerrou as atividades de sua filial no Piauí e demitiu 400 trabalhadores e colaboradores. O comunicado foi feito nesta quarta-feira (19) durante reunião com representantes do Sindicato dos Trabalhadores Nas Indústrias de Alimentação do Estado do Piauí (Sintriapi) e funcionários que prestavam serviços para a empresa.

Em entrevista ao GP1, o diretor do Sintriapi, Antônio Pitombeira Neto, informou que os diretores de Fortaleza da empresa Dudico foram os responsáveis pelo comunicado. Os funcionários foram pegos de surpresa.

  • Foto: DivulgaçãoReunião com os funcionáriosReunião com os funcionários

“Nós da direção do sindicato estivemos reunidos com a direção da empresa no Piauí, hoje foi realizado o último dia de trabalho e após isso foram 400 trabalhadores e colaboradores demitidos. A reunião teve a presença de uma diretora de Fortaleza, a diretora da unidade aqui em Teresina, a gerente geral e o gerente industrial”, informou.

Ainda de acordo com Antônio Pitombeira Neto, os diretores da empresa alegaram crise financeira como a motivação para a filial ser fechada no Piauí.

“A demanda foi a crise financeira, eles disseram que os lucros não estão suprindo as necessidades e está acarretando muito prejuízo, sendo que a empresa vai fazer quase 10 anos aqui com muitos prejuízos”, ressaltou.

Em 2009 a Dudico iniciou os trabalhos no Piauí, ficando localizada na BR 343, na saída da zona sul de Teresina para o município de Demerval Lobão.

Outro lado

O GP1 tentou contato com a empresa Dudico, mas não foi atendido para esclarecimentos sobre o fechamento da filial.

Mais conteúdo sobre: