Teresina - PI

Enfermeira de 27 anos morre após fazer cirurgia plástica em Teresina

Um amigo de Jéssyca Alencar informou ao GP1 que a enfermeira começou a se sentir mal depois de ter feito uma cirurgia de lipoescultura.

Camilla Menezes
Teresina
- atualizado

A enfermeira Jéssyca Alencar, de 27 anos, morreu nesta sexta-feira (18) após fazer uma cirurgia plástica de lipoescultura no Hospital Unimed. Jéssyca era enfermeira da Maternidade Dona Evangelina Rosa.

Um amigo da enfermeira, que não quis ser identificado, contou ao GP1 que a amiga havia realizado o procedimento estético na quarta-feira (16). “Ela operou no Hospital Unimed na quarta. A lipoescultura era pra tirar a gordura do abdômen para colocar no bumbum. Depois que saiu da sala de operação de manhã cedo, ela tomou um suco e logo depois começou a passar muito mal”, contou.

  • Foto: Reprodução/ FacebookEnfermeira Jéssyca AlencarEnfermeira Jéssyca Alencar

Ainda segundo informações do amigo da vítima, a enfermeira passou por outra cirurgia depois que passou mal. “Quando ela começou a passar mal, chamaram o médico e ele resolveu fazer uma nova cirurgia para fazer uma limpeza. O marido dela, que é médico, veio de São Luís, onde ele trabalha, para acompanhar a outra cirurgia que foi realizada na quinta-feira, mas ela não resistiu e faleceu”, lamentou.

O que diz o hospital

O GP1entrou em contato com a assessoria de comunicação do Hospital Unimed, neste sábado (19), que em nota, afirmou que o hospital preza pela segurança total dos pacientes e oferece toda a estrutura e profissionais necessários para o bom atendimento nos procedimentos e atendimentos realizados. Destacou ainda que não poderia repassar detalhes do procedimento realizado em Jéssyca Alencar.

  • Foto: Reprodução/WhatsappNota do Hospital UnimedNota do Hospital Unimed