Piauí

Praias do Piauí estão há 30 dias sem manchas de óleo, diz Semar

Segundo a Semar, foi comprovado que a mais de um mês as praias do Piauí se encontram limpas.

Davi Fernandes
Teresina
- atualizado

A Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Semar), informou nesta sexta-feira (08), que durante a semana foi realizado um monitoramento em busca de indícios de contaminação de óleo no litoral do estado e foi comprovado que a mais de um mês as praias do Piauí se encontram limpas.

Segundo a Semar, os órgãos Ibama, ICMBio, Capitania dos Portos do Piauí, Corpo de Bombeiros e a Comissão Ilha Ativa integraram a ação de monitoramento. Três embarcações de grande porte, além de uma equipe de mergulhadores e um sonar foram usados para realizar o mapeamento da área em busca de indícios de contaminação por óleo no estuário do Rio Carpina. Mais de 5 km do rio foram mapeados.

  • Foto: Divulgação/Instituto Tartarugas do DeltaManchas de petróleo no litoral do PiauíManchas de petróleo no litoral do Piauí

Ainda de acordo com a Semar, o Piauí não tem registros de aparecimento de machas de óleo desde o dia 30 de setembro, sendo que todas as praias do litoral piauiense se encontram limpas e livres para o banho.

Casos de intoxicação

O Ministério da Saúde divulgou as recomendações e orientações para os profissionais de saúde, voluntários e população em geral, sobre os cuidados relacionados ao contato direto com o produto.

O órgão divulgou uma lista de contatos dos Centros de Informação Toxicológica do Nordeste, referente aos nove estados atingidos. No Piauí, em casos de ocorrências por intoxicação, a população poderá solicitar a prestação do serviço através dos números 0800 280 3661 e (86) 99466 8097.

O Citox funciona durante 24 horas, contando com a assistência de médicos plantonistas com serviços de emergência dos hospitais públicos e privados. O número permite contato direto entre paciente e toxicologista.

Mais conteúdo sobre: