Uruçuí - PI

Prefeito Wagner Coelho diz que município não teve contas bloqueadas

De acordo com o gestor, a prefeitura foi inserida indevidamente na relação de prefeituras inadimplentes.

Wanessa Gommes
Teresina
- atualizado

O prefeito de Uruçuí, Wagner Pires Coelho, enviou nota de esclarecimento, na noite desta quinta-feira (05), acerca do bloqueio das contas da prefeitura após decisão do Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI). Outras 13 prefeituras tiveram as contas bloqueadas.

De acordo com o gestor, a prefeitura foi inserida indevidamente na relação de prefeituras inadimplentes. “(...) tão logo foi percebido o equívoco em relação à suposta inadimplência do município com o TCE-PI, a assessoria contábil do município diligenciou junto ao Tribunal, tendo a Corte de Contas reconhecido que o município de Uruçuí está adimplente com suas obrigações perante o TCE-PI, e por consequência, o município não terá suas contas bloqueadas”, diz trecho da nota.

Ao final, o prefeito garante que o município não teve qualquer conta bloqueada.

Confira abaixo a nota na íntegra:

A Prefeitura de Uruçuí, vem a público esclarecer à população urucuiense, acerca da matéria divulgada no site do Tribunal de Contas do Estado do Piauí no dia 05 de setembro de 2019, intitulada de “Plenário do TCE aprova bloqueio de contas de municípios inadimplentes”.

De início, cumpre esclarecer que a atual gestão da Prefeitura de Uruçuí atua pautada nos princípios constitucionais que norteiam a administração pública, bem como sempre primou pela transparência pública e em colaboração com todos os órgãos de controle, eis que não remanescem quaisquer situações ou fatos que possam ser imputados como supostas irregularidades perpetrados pela atual gestão, tão pouco que tenham o condão de infirmar a credibilidade e probidade dos gestores.

Em relação à matéria publicada no portal do TCE-PI e GP1, cumpre esclarecer que a prefeitura de Uruçuí foi inserida indevidamente na relação de prefeituras inadimplentes em relação a uma suposta ausência no envio de documentos, ocasionada por inconsistência no Sistema de Informática do TCE-PI, que impedia o upload dos referidos documentos rejeitados.

Com efeito, tão logo foi percebido o equívoco em relação à suposta inadimplência do município com o TCE-PI, a assessoria contábil do município diligenciou junto ao Tribunal, tendo a Corte de Contas reconhecido que o município de Uruçuí está adimplente com suas obrigações perante o TCE-PI, e por consequência, o município não terá suas contas bloqueadas.

Portanto, a Prefeitura de Uruçuí esclarece que o município não teve qualquer conta bloqueada, ao tempo que o Prefeito Dr. Wagner reafirma o compromisso da sua gestão com a transparência pública e com o dever de prestar contas, bem como se coloca à inteira disposição da população uruçuiense para dirimir qualquer dúvida que porventura venha a surgir.

Cordialmente.

Francisco Wagner Pires Coelho, Prefeito Municipal

NOTÍCIA RELACIONADA

TCE-PI bloqueia contas de 14 prefeituras e 18 câmaras municipais