Luís Correia - PI

Professora é morta pelo marido com 26 facadas em Luís Correia

O caso ainda será investigado pela Polícia Civil do Piauí, entretanto, ao que tudo indica, o crime foi motivado pelos ciúmes do marido de Selene.

Laura Moura
Teresina
- atualizado

A professora e diretora de um colégio municipal, Selene Veras Roque, de 28 anos, foi morta a facadas no final da tarde deste domingo (03), por volta das 17h, pelo companheiro, o mecânico identificado como Raimundo Neto Pereira, de 32 anos, durante uma discussão no município Luís Correia, situado na região Norte do Piauí.

  • Foto: Facebook/Selene Veras RoqueSelene Veras RoquesSelene Veras Roque

O fato ocorreu após o casal chegar em casa, localizada no povoado Lameiro, zona rural da cidade. “Os dois tinham acabado de chegar de Parnaíba, cidade onde os dois faziam pós-graduação. Ao entrarem na residência, teve início uma discussão entre eles, e o crime ocorreu”, informou o capitão Galeno, da Companhia Independente de Policiamento Turístico (Ciptur).

O caso ainda será investigado pela Polícia Civil do Piauí, entretanto, ao que tudo indica, o crime foi motivado pelos ciúmes do marido de Selene. Os dois tem uma filha de apenas sete anos de idade, que não estava na casa quando o fato aconteceu. Até o momento, Raimundo Neto Pereira se encontra foragido da polícia.