Brasileira - PI

TRE mantém a cassação do mandato da prefeita Paula Araújo

O julgamento aconteceu no dia 22 de maio e o relator foi o juiz Astrogildo Mendes de Assunção Filho.

Cinara Taumaturgo
Teresina
Wanessa Gommes
Teresina
- atualizado

O Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI) decidiu, por unanimidade, manter a sentença de 1º grau que cassou os mandatos da prefeita e vice de Brasileira, Paula Miranda Amorim Araújo e Amarildo de Sousa Melo, por compra de votos. O julgamento aconteceu no dia 22 de maio e o relator foi o juiz Astrogildo Mendes de Assunção Filho.

  • Foto: Facebook/Nilson DinizPrefeita Paula AraújoPrefeita Paula Araújo

Paula e Amarildo foram acusados de terem utilizado, em suas campanhas, ônibus escolares da prefeitura para transportar eleitores da zona rural para seus comícios e carreatas, e de contratar advogados com dinheiro da prefeitura para prestarem serviços advocatícios durante toda a campanha eleitoral de 2016 em benefício de suas candidaturas.

Na sentença, de abril deste ano, a juíza da 11ª Zona Eleitoral, Maria do Rosário de Fátima Martins Leite Dias, além de cassar os mandatos dos impugnados, declarou também nulos os votos obtidos por eles na eleição passada.

O município de Brasileira deverá passar por nova eleição para prefeito e vice, data que será marcada pelo TRE-PI após o transcurso de prazos para eventuais embargos de declaração.

Outro lado

Procurados, a prefeita Paula Araújo e o vice Amarildo de Sousa não foram localizados pelo GP1.