Passagem Franca - PI

Tribunal reprova a prestação de contas do prefeito Raislan Farias

A decisão foi publicada no Diário Oficial do TCE dessa segunda-feira (12). Também foi aplicada multa de 5.600 UFR-PI, que equivale a R$ 18.424 mil.

Bárbara Rodrigues
Teresina
- atualizado

O Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI) reprovou a prestação de contas de gestão e de governo do prefeito de Passagem Franca, Raislan Farias, e determinou a aplicação de multa de 5.600 UFR-PI, que equivale a R$ 18.424 mil, por irregularidades no exercício financeiro de 2016.

Os conselheiros encontraram várias irregularidades relacionadas a divergência entre o valor das Receitas com Educação resultante de impostos, Ausência de licitações, débitos com a Eletrobras e Agespisa, ausência de cadastro de procedimentos licitatórios no sistema Licitações Web, entre outras coisas.

  • Foto: Facebook/Lan FariasPrefeito Raislan Farias, conhecido como LanPrefeito Raislan Farias, conhecido como Lan

Os conselheiros então decidiram pela reprovação das contas de gestão e pela emissão de um parecer pela reprovação das contas de governo. Além disso, foi aplicada multa de 5.600 UFR-PI, que equivale a R$ 18.424 mil.

A decisão foi publicada no Diário Oficial do TCE dessa segunda-feira (12). Participaram do julgamento os conselheiros Joaquim Kennedy Nogueira Barros, Lilian de Almeida Veloso Nunes Martins e Jackson Nobre Veras, além do representante do Ministério Público de Contas, o procurador Márcio André Madeira de Vasconcelos