Teresina - PI

Wilson Martins rebate Robert e afirma que na política diálogo é fundamental

A resposta foi dada após declaração de Robert Rios que afirmou que fica na oposição, caso seu partido decida voltar a compor com o governador Wellington Dias (PT-PI).

Germana Chaves
Teresina
- atualizado

O ex-governador e presidente do Diretório do PSB do Piauí, Wilson Martins, comentou a declaração de seu correligionário, o ex-deputado Robert Rios Magalhães que, durante entrevista ao GP1 na sexta-feira (28), afirmou que fica na oposição, caso seu partido decida voltar a compor com o governador Wellington Dias (PT-PI).

Ao GP1, neste domingo (30), Wilson disse que não trabalha com hipóteses e ponderou que na política o diálogo é fundamental e o isolamento algo temeroso. “Prefiro não raciocinar sobre hipóteses. Na política, o diálogo é fundamentalmente vital e o isolamento uma temeridade”, advertiu o ex-governador que já foi vice-governador de Wellington.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Ex-governador Wilson MartinsEx-governador Wilson Martins

Robert, da mesma forma, o ex-deputado já integrou a equipe do Governo Wellington Dias, quando esteve por vários anos como secretário de Segurança do petista.

Aceno

Um possível realinhamento entre o PT e o PSB veio à tona depois que o senador Ciro Nogueira, presidente nacional do Progressistas, rompeu com Wellington. Desde então, passou a ser cogitada a possiblidade de Wilson voltar a base do Palácio de Karnak. A articulação está sendo pavimentada pelo secretário de Governo, Osmar Júnior (PCdoB).

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Wellington Dias diz que será um prazer ter Wilson Martins ao seu lado

Robert diz que não acompanha Wilson se o PSB se aliar a Wellington Dias

Ciro Nogueira tenta impedir aliança entre Wilson Martins e Wellington