GP1

Floriano - Piauí

Adolescente é apreendido acusado de latrocínio em Floriano

Após o crime, o acusado passou a vender os produtos roubados da vítima e assim a polícia conseguiu chegar até ele.

Um adolescente foi apreendido na manhã desta segunda-feira (18) em Floriano acusado do latrocínio contra Humberto Pereira dos Santos, ocorrido no dia 14 de dezembro de 2018. Na ocasião, a vítima, que era deficiente mental, estava em casa quando foi abordada pelo menor que a matou e em seguida roubou vários objetos da residência.

De acordo com o delegado Danilo Barroso, titular do 1º Distrito Policial de Floriano, logo após o crime os investigadores passaram a levantar informações e constataram que uma pessoa estava vendendo produtos roubados da vítima. Em posse disso, o delegado identificou o adolescente e representou pelo mandado de internação provisória do adolescente, que foi atendido pelo juiz Noé Pacheco de Carvalho, da 1ª Vara Criminal de Floriano.

Foi montado um planejamento para a apreensão do rapaz, com o apoio da 2ª Delegacia Regional de Floriano, e os policiais chegaram até o menor nesta manhã e o encaminharam até a sede do 1º DP.

Entenda o caso

O corpo de um homem identificado como Humberto Pereira dos Santos, de 54 anos, foi encontrado em estado avançado de decomposição na manhã do dia 14 de dezembro de 2018, por volta de 07h30, na própria residência situada no bairro Caixa D’Água, zona urbana de Floriano.

As polícias militar e civil foram acionadas por moradores da região que sentiram um mau cheiro vindo da casa, como explicou o delegado Danilo Barroso, da Polícia Civil do município. “Os vizinhos dele sentiram um cheiro forte. Eles entraram na casa e encontraram o corpo da vítima todo ensanguentado. Então, eles acionaram a polícia”, relatou.

A vítima era deficiente mental e morava sozinha na residência. O local foi encontrado bagunçado e com um buraco no telhado.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.