GP1

Campo Maior - Piauí

Adolescente morta em Campo Maior teve lesões no pescoço e crânio

O delegado Bayker Martins, da Polícia Civil de Campo Maior, relatou que a suspeita é que a jovem tenha sido agredida até a morte.

A Polícia Civil de Campo Maior relevou ao GP1, nessa quarta-feira (20), que o laudo cadavérico da adolescente Sabrina da Silva Sousa, de 17 anos, indicou que ela sofreu lesões no pescoço e cabeça. A garota foi encontrada morta ao lado de uma igreja no bairro São João na última segunda-feira (18).

Segundo a Polícia Militar, a adolescente era moradora de rua e usuária de drogas. Sabrina era natural de Parnaíba e estava em Campo Maior há pouco tempo.

O delegado Bayker Martins, da Polícia Civil de Campo Maior, relatou que a suspeita é que a jovem tenha sido agredida até a morte. Ainda não se sabe quem é o autor das lesões.

“Ela tem lesões na região cervical, no pescoço e crânio. Não são lesões naturais, então a gente está investigando o caso. Não podemos revelar detalhes para não atrapalhar as investigações, mas já estamos bem avançados e logo a gente vai esclarecer o caso”, explicou o delegado.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Garota é encontrada morta ao lado de igreja em Campo Maior

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.