GP1

Teresina - Piauí

B. Sá Filho diz que impasse com Júlio Arcoverde está sanado

"Já conversamos [eu e Arcoverde] e estabelecemos todas as divergências”, reforçou B. Sá Filho.

Chegou ao fim o clima de animosidade entre os deputados estaduais B. Sá Filho e Júlio Arcoverde, presidente do Diretório do Progressistas no Piauí. Em entrevista à imprensa nesta quarta-feira (24) na Assembleia Legislativa do Piauí, B. Sá afirmou que as conversas foram proveitosas e serviram para sanar os problemas internos que estavam emperrando a boa relação entre eles.

Como prova desse momento de plena sintonia, o deputado prometeu uma recepção calorosa a caravana da oposição liderada pelo ex-prefeito de Teresina Sílvio Mendes (PSDB) e pela deputada federal Iracema Portella (PP), que estará na região de Oeiras no próximo final de semana.

Foto: Lucas Dias/GP1B. Sá Filho
B. Sá Filho

“Existem problemas internos, mas foram todos esclarecidos. O Progressistas é um partido coeso, unido e eu como um dos líderes, tenho sempre que procurar esse diálogo para resolver os problemas. Meu grupo político sempre se posicionou favorável ao partido e não é agora que vamos dar para trás”, afirmou.

“Na próxima semana, estamos na expectativa da caravana chegar a região de Oeiras e vamos fazer uma festa belíssima, recebendo nossos pré-candidatos ao Governo do Estado. Foi um problema que se resolveu dentro de casa. Já conversamos [eu e Arcoverde] e estabelecemos todas as divergências”, reforçou B. Sá Filho.

O impasse

Há menos de dez dias, o GP1 trouxe a público o desconforto de B. Sá Filho com Júlio Arcoverde. Líderes de dentro do PP, chegaram a dizer que a insatisfação era tamanha que o deputado chegou a dizer que não descartava deixar o partido.

B. Sá Filho reclamava da falta de atenção do PP em relação ao seu projeto de reeleição e estava se sentindo preterido pela direção estadual do PP, exercida por Arcoverde.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.