GP1

Polícia

Auditor fiscal e família são rendidos em casa durante assalto em Teresina

A esposa do auditor relatou os momentos de terror que viveu ao lado da família.

Dois criminosos armados invadiram a casa de um auditor fiscal, renderam ele e a família e fizeram um arrastão na noite dessa quarta-feira (06), por volta de 23h45, no bairro Jóquei, zona leste de Teresina.

Em entrevista ao GP1, a esposa do auditor, que não quis ser identificada, relatou os momentos de terror que viveu ao lado da família. Segundo ela, os criminosos conseguiram arrombar o portão para ter acesso a residência. A mulher e as duas filhas foram surpreendidas pelos bandidos em um dos quartos da casa.

"Estava eu e minhas duas filhas no quarto assistindo um filme. Meu esposo estava em uma área externa da casa, que é onde ele gosta de ficar. Quando eles chegaram, um estava com uma faca e outro com um revólver. Primeiro eles arrombaram o portão e depois abordaram eu e minhas filhas e mandaram a gente passar tudo", relatou.

Foto: Brunno Suênio/GP112º Distrito Policial
12º Distrito Policial

De acordo com a vítima, os criminosos conseguiram levar vários objetos da residência e um dos carros da família, um Voyage Prata de placa LWE 7573, que ainda não foi localizado.

"Levaram 2 mil reais que eu tinha em casa, levaram 4 Tvs, impressora, notebook, computador, joias, meus documentos, cartões de crédito, levaram tudo. Eles fugiram levando tudo no veículo. Disseram que queriam o veículo apenas para levar os bens e que iriam deixar o carro atrás da igreja da Morada do Sol, mas fomos atrás e o carro não estava lá", ressaltou.

Foto: Brunno Suênio/GP1Rua onde fica localizada a residência
Rua onde fica localizada a residência

Para a vítima, o que fica após esse trauma é o sentimento de impotência diante de tal situação, que está se tornando cada vez mais recorrente em Teresina. "A gente fica atordoado, sem saber o que fazer. Ninguém conseguiu mais dormir. Eles levaram as chaves dos outros carros que ficaram em casa, levaram os controles do portão e estamos atrás de mudar o controle do portão, pois eles podem entrar em casa a qualquer momento para pegar o resto das coisas que deixaram. Nos sentimos impotentes, colocamos cerca elétrica, portão eletrônico, nos fechamos dentro de casa e nada impediu eles de entrarem", lamentou.

As vítimas fizeram um Boletim de Ocorrência no 12º Distrito Policial, localizado na zona leste de Teresina. Os investigadores do 12º DP em conjunto com a Força Tarefa da Secretaria de Segurança Pública estão em diligências na tentativa de localizar os criminosos.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.