GP1

Teresina - Piauí

PP de Ciro Nogueira busca filiação de três deputados da base governista

Outros três deputados que já são da oposição também estão na mira do PP para integrar o grupo.

O Progressistas espera turbinar seu time proporcional para as eleições de 2022 no Piauí com a ida do senador Ciro Nogueira para o Ministério da Casa Civil. O GP1 apurou que pelo menos três deputados da base governista podem migrar para a oposição, sobretudo agora, com o fortalecimento do grupo devido a ascensão de Ciro.

Estão no radar do PP para a Assembleia Legislativa do Piauí os deputados Flávio Júnior (PDT) e Henrique Pires (MDB), parlamentares que integram legendas que compõem a base aliada do Governo Wellington Dias (PT-PI). Já para a Câmara Federal, a sigla de Ciro Nogueira engatou diálogo com Flávio Nogueira (PDT).

Foto: Lucas Dias/GP1Senador Ciro Nogueira
Senador Ciro Nogueira

Nomes da oposição

Outros três deputados que já fazem oposição ao Palácio de Karnak também estão na mira do Progressistas para se integrarem ao grupo de Ciro Nogueira: Marden Menezes (PSDB), Gustavo Neiva (PSB), além da deputada Teresa Britto (PV), caso ela não consiga montar chapa proporcional.

Ciro na Casa Civil

O senador, agora licenciado, foi oficializado ministro da Casa Civil nesta quarta-feira (28). Sua nomeação foi assinada pelo presidente Jair Bolsonaro e publicada no Diário Oficial da União (DOU). A Casa Civil, considerada uma das pastas mais importantes do Governo Federal, coordena todos os outros ministérios e auxilia na articulação política junto ao Congresso.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.