GP1

Teresina - Piauí

Saad e Lagoas do Norte programam demolição de 12 imóveis em Teresina

Os imóveis pertenciam a beneficiários que já foram reassentados e agora estão morando em casas próprias.

A Prefeitura de Teresina, por meio da Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas da região norte e o Programa Lagoas do Norte, está programando para a próxima semana a demolição de 12 imóveis que pertenciam a beneficiários que já foram reassentados e agora estão morando em casas próprias, construídas ou pagas pelo programa.

Esses imóveis foram avaliados pelo programa e as famílias que viviam neles passaram por um processo de atendimento social para reassentamento. Atualmente, elas estão vivendo em casas compradas pelo programa ou no residencial Parque Brasil, construído para recebê-las. Todas elas estão cientes do procedimento e assinaram um termo autorizando a demolição.

Foto: Lucas Dias/SemcomDr. Pessoa em vsita ao Programa Lagoas do Norte
Dr. Pessoa em vsita ao Programa Lagoas do Norte

O diretor geral do Lagoas do Norte, Bruno Quaresma, afirmou que a equipe social tem todo um procedimento para esse atendimento e que, até um ano após a mudança, é feito um acompanhamento dessas famílias.

“O Lagoas do Norte só faz a demolição de imóveis cujas famílias já estão em local seguro, nas suas casas próprias. Nossa equipe social tem todo um procedimento para esse atendimento e faz o acompanhamento delas por até um ano depois da mudança para a casa nova para saber se estão vivendo de forma digna”, afirmou Bruno Quaresma.

Ação

O Lagoas do Norte trabalha com obras de saneamento básico e drenagem, com objetivo de organizar e fortalecer o sistema de captação da água das chuvas da zona norte formado pelas lagoas.

Bruno explicou ainda que o Lagoas do Norte não tem envolvimento com outros tipos de ação de desapropriação e que possui um regulamento para todos os seus planos de reassentamento, seguindo as normas do Banco Mundial, garantindo mais direitos às famílias atendidas do que aqueles estabelecidos na legislação brasileira.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.