GP1

Campo Maior - Piauí

Perito é preso acusado de abusar sexualmente de crianças em Teresina

O acusado morava no mesmo condomínio que as vítimas e, segundo as denúncias, tocava nas partes íntimas.

A Polícia Civil do Piauí, por meio da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), prendeu um perito de 64 anos acusado de abusar sexualmente de crianças em um condomínio de Teresina. O GP1 apurou que trata-se de Francisco das Chagas Pinheiro Martins. A prisão ocorreu nessa sexta-feira (13), em Campo Maior.

Em entrevista à nossa reportagem, o delegado Matheus Zanatta, gerente de Polícia Especializada, explicou que as investigações tiveram início logo após denúncias de mães que relataram os abusos cometidos pelo acusado. Ele morava no mesmo condomínio que as vítimas e, segundo os relatos, abusava das crianças tocando nas partes íntimas dos menores. Diante dos indícios de veracidade dos fatos, foi cumprido um mandado de prisão temporária nessa sexta.

Foto: Lucas Dias/GP1DPCA
DPCA

“Nesse ano de 2022 chegaram algumas denúncias e foi aberto um inquérito policial na DPCA onde mães de crianças de um condomínio denunciaram que ele tinha praticado alguns abusos sexuais contra essas crianças. Foi aberto o inquérito, ouvido testemunhas, feito a escuta especializada dessas crianças e constatou-se fortes indícios da veracidade de que esses abusos sexuais realmente teriam ocorrido. Foi pedida a prisão e ontem foi cumprido o mandado de prisão temporária, que é imprescindível para o término das investigações”, relatou.

Foto: Alef Leão/GP1Delegado Matheus Zanatta
Delegado Matheus Zanatta

O delegado ressaltou que o inquérito deve ser finalizado e encaminhado à Justiça ainda neste mês.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.