GP1

Teresina - Piauí

Famílias do assentamento Soturno receberão título de terras

Soturno é mais uma comunidade regularizada, após o trabalho multidisciplinar do Interpi e demais órgãos.

A governadora Regina Sousa e o diretor-geral do Instituto de Terras do Piauí (Interpi), Chico Lucas, farão a entrega dos Títulos Definitivos de Propriedade de Terras (na modalidade doação de terras) para famílias de pequenos produtores rurais do Assentamento Estadual Soturno, na zona rural de Teresina. A solenidade será realizada na Igreja São Francisco, na própria comunidade, às 16h desta segunda-feira (23).

A luta pelo direito à terra onde vivem e trabalham e ter a garantia de propriedade, com a regularização fundiária realizada pelo Governo do Estado, teve início, para as famílias do Soturno, em junho de 1996, de acordo com o presidente da Associação de Moradores da comunidade, Baltazar de Souza Brito.

Foto: Lucas Dias/GP1Regina Sousa
Regina Sousa

A doação de terras para os trabalhadores e trabalhadoras rurais da agricultura familiar é garantida pela Lei de Regularização Fundiária Lei nº 7.294/2019 e resulta do trabalho multidisciplar desenvolvido pelo Governo do Estado, por meio do Interpi e demais órgãos parceiros, a exemplo da Secretaria do Meio Ambiente (Semar) e do Centro de Geotecnologia Fundiária e Ambiental (CGEO), para possibilitar, aos beneficiários, melhores condições fundiárias para viver e produzir com segurança jurídica.

Entrega em Buriti dos Lopes

N sexta-feira (20),Regina Sousa entregou títulos de terra a agricultores familiares da zona rural do município de Buriti dos Lopes, Norte do Piauí. Mais de 400 famílias de diferentes assentamentos foram beneficiadas e agora têm a segurança da propriedade do local onde vivem e produzem. O ato encerrou uma espera de quase 30 anos pela regularização fundiária das áreas contempladas.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.