GP1

Teresina - Piauí

Abelhas Rainhas perdem e ficam fora do Brasileirão A3

A equipe picoense foi derrotada por 2 a 1 neste sábado (18), no estádio Lindolfo Monteiro.

Marcelo Cardoso/GP1 1 / 10 Abelhas Rainha enfrenta o Paraíso-TO Abelhas Rainha enfrenta o Paraíso-TO
Marcelo Cardoso/GP1 2 / 10 Lance normal no Lindolfo Monteiro Lance normal no Lindolfo Monteiro
Marcelo Cardoso/GP1 3 / 10 Lance normal no Lindolfo Monteiro Lance normal no Lindolfo Monteiro
Marcelo Cardoso/GP1 4 / 10 Lance entre Abelhas Rainha e Paraíso-TO Lance entre Abelhas Rainha e Paraíso-TO
Marcelo Cardoso/GP1 5 / 10 Lance entre Abelhas Rainha e Paraíso-TO Lance entre Abelhas Rainha e Paraíso-TO
Marcelo Cardoso/GP1 6 / 10 Bola em disputa no Lindolfo Monteiro Bola em disputa no Lindolfo Monteiro
Marcelo Cardoso/GP1 7 / 10 Torcida presente no Lindolfo Monteiro Torcida presente no Lindolfo Monteiro
Marcelo Cardoso/GP1 8 / 10 Treinador orienta equipe no banco de reservas Treinador orienta equipe no banco de reservas
Marcelo Cardoso/GP1 9 / 10 Mais um lance na partida que terminou em 2 a 1 para o Paraíso-TO Mais um lance na partida que terminou em 2 a 1 para o Paraíso-TO
Marcelo Cardoso/GP1 10 / 10 Jogadora do Paraíso-TO deixa o campo na maca Jogadora do Paraíso-TO deixa o campo na maca

Com dois gols de Tauana, o Paraíso venceu a equipe das Abelhas Rainhas de Picos por 2 a 1 neste sábado (18), pelo Campeonato Brasileiro Feminino A3, no estádio Lindolfo Monteiro. Com o resultado, as representantes do Piauí estão fora da competição.

Na partida de ida, o time de Tocantins derrotou a equipe picoense pelo mesmo placar. Mesmo com a vantagem, o time não se retrancou e conseguiu a vitória.

O jogo

A partida começou com ambas as equipes buscando o gol. O Paraíso mesmo a frente no placar agregado, tentou ampliar. A melhor chegada da equipe foi em cobrança de falta pelo lado de campo, onde a goleira Ingrid espalmou para fora. A partir daí o time de Tocantins parece ter sentido o sol escaldante de Teresina e começou a tirar mais o pé.

Com isso, as Abelhas Rainhas começaram a se mostrar superior na partida, principalmente pelo lado esquerdo com Maria, que criava as melhores chances para o time picoense. Porém a equipe não chegava nem a finalizar para concluir as jogadas e transformar isso em chance real de gol.

O Paraíso estava se postando bem defensivamente, bloqueando qualquer jogada de perigo das Abelhas durante todo primeiro tempo.

Na segunda etapa, o jogo continuou o mesmo, com o time de picoense na busca pelo placar e a equipe de Tocantins se mantendo sólida atrás. Logo aos 2 minutos de partida bola na área para as Abelhas Rainhas, mas sem perigo real.

O técnico da equipe da equipe picoense resolveu mexer e colocou Ana, a camisa 7 estava querendo jogo e criou duas boas chances para o time. Uma aos 3 minutos em jogada individual pelas laterais e outra em um contra-ataque que a jogadora foi bloqueada pela zaga.

Com a superioridade, as Abelhas Rainhas não conseguiam criar chances claras. Com toda essa situação, o Paraíso aproveitou para abrir o placar aos 11 minutos da 2° etapa. Tauana recebeu a bola no meio da entrada da área e finalizou no cantinho, sem chances para Valeria.

Após o gol, o time picoense não abaixou a cabeça e continuou atacando. Aos 19 minutos, Ana rouba a bola na defesa e chuta forte no canto, mas a goleira Valeria faz um verdadeiro milagre. E a blitz continuou, um minuto depois a equipe cria jogada pela lateral, mas ninguém chega para finalizar.

Aos 22 minutos, Maria arranca com velocidade e toca para Raiara, a jogadora se atrapalha com a bola, e a zagueira do Paraíso chega para tirar a bola. Após uma parada aos 30, o time de Tocantins parece ter vindo renovado, e um minuto depois chegou com perigo em cabeçada Andressa, mas Ingrid impediu o gol fazendo linda defesa.

O Paraíso parecia outra equipe após tudo isso, e aos 32 minutos, Tauana se antecipou das marcadoras e ampliou o placar para a equipe de Tocantins.

A reposta das Abelhas Rainhas veio aos 35 minutos da segunda etapa. Natalia é derrubada na área e o árbitro marca pênalti. Na cobrança, Maria mostrou categoria e bateu de trivela no cantinho, diminuindo o placar do jogo.

A partir foi ataque contra defesa, repetindo o mesmo manta de toda partida, com o time picoense atacando e a equipe de Tocantins se defendendo bem e garantindo o resultado e classificação.

Próximos compromissos

Agora as Abelhas Rainhas se preparam para a disputa do Campeonato Piauiense Feminino ainda sem data marcada. Já o Paraíso encara o Ypiranga pelas oitavas das finais do Brasileiro Feminino A3, e aguarda a CBF divulgar a data do confronto.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.