GP1

Política

"Nem que zere o ICMS, cairá o valor da gasolina", diz Wellington Dias

"Enquanto a Petrobras tiver o monopólio e poder de reajustar na hora que quiser, nada vai mudar", disse.

O governador Wellington Dias reagiu em seu Twitter, na manhã desta terça-feira (26), ao comunicado da Petrobras sobre o aumento no valor do diesel e da gasolina.

Wellington Dias disse que foi mais uma vez surpreendido com o aumento no valor do preço dos combustíveis. “Através das redes fui informado, como todo brasileiro, que a Petrobras anunciou o aumento de preços na gasolina e no diesel a partir desta terça-feira”, disse.

Conforme o governador, nada vai mudar enquanto o monopólio dos combustíveis estiver em poder da Petrobras. “Nem que zere o ICMS, cairá o valor da gasolina. Enquanto a Petrobras tiver o monopólio e o poder de reajustar na hora e índice que quiser, nada vai mudar”, escreveu Wellington Dias.

Aumento

A Petrobras anunciou nessa segunda-feira (25) mais um reajuste nos preços da gasolina e do diesel para as distribuidoras. Segundo o comunicado da estatal, a gasolina terá um aumento de 7,04% e o diesel sofrerá reajuste de 9,15%. Os novos aumentos já passam a vigorar nesta terça-feira (26).

Esse é o segundo reajuste no preço da gasolina este mês. No último dia 9, o combustível já havia subido 7,2%. Com isso, a gasolina já acumula alta de 73,4% nas refinarias em apenas um ano.

Na prática, o preço médio de venda do litro gasolina passará de R$ 2,98 para R$ 3,19, um reajuste médio de R$ 0,21 (7,04%). Já o litro do diesel A passará de R$ 3,06 para R$ 3,34 por litro, com reajuste médio previsto de R$ 0,28 por litro (9,15%).

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.