GP1

Santos - São Paulo

Show do rapper Matuê termina em tiroteio com ferido em Santos

O tiroteio aconteceu durante a madrugada deste domingo (08) em Santos, no litoral de São Paulo.

Um homem de 39 anos ficou ferido após ser alvejado com disparos de arma de fogo, durante o show do rapper Matuê, que aconteceu na madrugada deste domingo (08), em Santos, no litoral de São Paulo. Vídeos que mostram o tiroteio na festa viralizaram nas redes sociais.

As imagens mostram o show em andamento e o momento em que as pessoas se assustam ao notarem os disparos. No entanto, algumas delas só perceberam os tiros após a correria. Na sequência, é possível perceber as pessoas desesperadas deitando no chão, correndo pela casa de shows e um verdadeiro cenário de destruição com diversas mesas, cadeiras e garrafas quebradas e espalhadas pelo local.

A Polícia Militar de São Paulo foi acionada pelo hospital Santa Casa de Santos, por volta das 4h26, para comunicar a entrada do paciente baleado na unidade. A vítima dos disparos foi socorrida e levada por populares ao hospital, onde necessitou passar por uma cirurgia.

O caso deve ser investigado pelo 1° Distrito Policial de Santos.

Rapper se manifestou sobre o tiroteio nas redes sociais

Ainda neste domingo, Matuê comentou sobre o tiroteio nos stories do Instagram, onde ele narrou como percebeu a gravidade da situação e as medidas que ele e sua equipe tomaram para garantir sua segurança.

“Só passando para avisar que tá tudo bem, beleza? Para quem não sabe, nós fomos fazer um show agora pouco e rolou tiroteio. Maior confusão. Nem sei exatamente o porque, nem como foi, nem quem foi, nem o que exatamente aconteceu, mas a gente teve que sair, pois a situação estava tensa”, começou o rapper.

Matuê disse ainda que, aparentemente, houve uma desavençaem meio ao show. "O cara estragou o rolê de todo mundo. O show estava incrível, a vibe estava muito massa, estava todo mundo bem e uma pessoa foi lá e estragou o rolê inteiro", apontou o artista.

Ele ainda deu um recado para seus fãs santistas: "só passar para falar que não é isso que vai mudar meu carinho por Santos, rapaziada de Santos, é 'nóis, mano', ainda vou voltar aí. Mandando força para o mano que foi baleado, não tenho informação, não sei o que está rolando. Quem tiver informação manda, que estou mandando força aqui, espero que dê tudo certo", finalizou o cantor.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.