GP1

Coronavírus no Piauí

Fiocruz retira Piauí da zona de alerta da ocupação de leitos Covid-19

O relatório também aponta redução no número de óbitos causados pelo vírus pela 10ª semana consecutiva.

O boletim do Observatório Covid-19 da Fiocruz (Fundação Osvaldo Cruz) referente a 34° Semana Epidemiológica do ano de 2021 trouxe a retirada do estado do Piauí e da capital Teresina da zona de alerta referente a ocupação dos leitos de UTI adulta voltado para pacientes com Covid-19.

O relatório também aponta uma redução no número de óbitos causados pelo vírus pela décima semana consecutiva no país. Herlon Guimarães, Superintendente de atenção primaria a saúde e municípios da Sesapi, fala que os números são muito positivos mas que não dão a liberdade para que a população negligencie os cuidados sanitários que vem sendo reforçados desde o inicio da pandemia.

Foto: Divulgação/AscomLeitos de UTI
Leitos de UTI

“Esse dado apresentado pela Osvaldo Cruz é importante, mas além de comemorar queremos dizer que é essencial a população manter-se na luta contra a Covid-19. Distanciamento social, utilização de máscara, higienização das mãos, uso do álcool e além de tudo a vacinação são essenciais para melhorar cada vez mais o enfrentamento a pandemia”, apontou o superintendente.

O secretário Florentino Neto destacou que a cooperação da população nesse momento é o ponto mais importante para melhorar cada vez mais os indicadores do estado, que já vem apresentando redução de óbitos e novos casos.

“Caso o seu município esteja realizando a vacinação para o grupo que você se enquadre, procure os serviços de saúde municipais. A mesma recomendação vai para aquelas pessoas que ainda precisam tomar a segunda dose, assim que as vacinas estiverem disponíveis procurem os serviços de saúde do município. Completar o ciclo vacinal é essencial para garantir a imunização completa contra a Covid-19”, fala o secretário.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.