GP1

Economia e Negócios

Piauí segue com a gasolina mais cara do Brasil, aponta relatório da ANP

De acordo com a ANP, a média do preço do litro da gasolina está R$ 6,64 nos postos piauienses.

O último relatório da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), feito entre os dias 12 e 18 de setembro, apontou que o Piauí continua com o preço médio da gasolina comum mais alto do Brasil.

Segundo os dados da ANP, a média do preço do litro está R$ 6,64 nos postos piauienses, superando todos os outros estados do país. Em seguida aparecem Rio Grande do Norte (R$ 6,62), Rio de Janeiro (R$ 6,58) e Acre (R$ 6,49).

Foto: Lucas Dias/GP1Frentista abastecendo carro
Frentista abastecendo carro

Os entes federativos com a menor média no preço no país são: Amapá (R$ 5,27), Roraima (R$ 5,71) e São Paulo (R$ 5,77). No Nordeste, os menores valores estão na Paraíba (R$ 5,94) e no estado vizinho do Maranhão (R$ 5,95).

O relatório da ANP é atualizado semanalmente e no Piauí foram analisados 54 postos de combustíveis distribuídos nas cidades de Teresina e Parnaíba, durante os dias 12 e 18 de setembro.

Confira o ranking por estado:

Piauí: R$ 6,64

Rio Grande do Norte: R$ 6,62

Rio de Janeiro: R$ 6,58

Acre: R$ 6,49

Goiás: R$ 6,40

Rio Grande do Sul: R$ 6,33

Minas Gerais: R$ 6,33

Tocantins: R$ 6,31

Distrito Federal: R$ 6,28

Espirito Santo: R$ 6,21

Rondônia: 6.16

Mato Grosso: R$ 6,16

Sergipe: R$ 6,15

Alagoas: R$ 6,11

Pará: R$ 6,08

Bahia: R$ 6,06

Pernambuco: R$ 6,02

Amazonas: R$ 6,00

Mato Grosso do Sul: R$ 5,98

Ceará: R$ 5,97

Maranhão: R$ 5,95

Paraíba: R$ 5,94

Paraná: R$ 5,80

Santa Catarina: R$ 5,80

São Paulo: R$ 5,77

Roraima: R$ 5,71

Amapá: R$ 5,27

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.