Altos - PI

Após eliminação, Altos pode ter dificuldades financeiras

O alviverde piauiense deixou de arrecadar um montante estimado em R$ 730 mil após ser eliminado pelo ABC-RN na pré-Copa do Nordeste.

Jonas Carvalho
Teresina
- atualizado

A eliminação precoce na pré-Copa do Nordeste caiu como uma bomba sobre as contas do Altos. Isso porque, caso a equipe avançasse na competição e consequentemente conquistasse uma vaga na fase de grupos no regional, um montante de R$ 730 mil preencheria os débitos da equipe.

O valor que a equipe deixou de receber significava as cotas de transmissão da equipe na disputa, que agora só conta com a presença do River-PI pela conquista do Campeonato Piauiense em 2019.

Embora haja um déficit financeiro para o próximo ano, o Jacaré precisa de um acesso à série C para fechar as contas e conseguir montar uma equipe competitiva. Na última semana, o Galo levou do Jacaré o atacante Éder Guerreiro, que já não veste mais a camisa do alviverde. O desfalque no ataque preocupa a Manga Mecânica para o decorrer da série D.

Sem a Copa do Nordeste, o que restou ao Altos foi apenas o Campeonato Piauiense 2020 e a Copa do Brasil. Sem o acesso à série C, a equipe pode ter um elenco mais modesto no próximo ano e viver um período de aperto nas contas do clube.