Brasil

Bolsonaro repudia humilhação praticada contra motoboy em São Paulo

“Independentemente das circunstâncias que levaram ao ocorrido, atitudes como esta devem ser totalmente repudiadas”, afirmou o presidente.

Thais Guimarães
Teresina

O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), repudiou o ato de humilhação praticado por um morador de um condomínio de luxo contra um entregador de delivery, identificado como Matheus. O fato aconteceu no dia 31 de julho em São Paulo (SP), mas virou notícia somente nesta sexta-feira (07), após um vídeo que registra o ocorrido viralizar na internet.

Em uma publicação no Twitter no final da tarde de hoje, Bolsonaro fez questão de enfatizar que atitudes como essa devem ser repudiadas com veemência. “Independentemente das circunstâncias que levaram ao ocorrido, atitudes como esta devem ser totalmente repudiadas”, ressaltou.

O chefe de estado ratificou que nenhum brasileiro deve se achar superior em relação ao outro. “Ninguém é melhor do que ninguém por conta de sua cor, crença, classe social ou opção sexual”, colocou.

Para Bolsonaro, a indignação da sociedade com esse caso deve servir para que algo semelhante não se repita. “Que a indignação dos brasileiros sirva de lição para que atos como esse não se repitam. Todos somos iguais! Embora alguns trabalhem para nos dividir, somos um só povo”, afirmou.

Por fim, o presidente estendeu votos de solidariedade ao jovem Matheus e sua família. “Meus votos de solidariedade e sucesso ao entregador Matheus, bem como a toda sua família. Deus os abençoe”, finalizou.

Entenda o caso

No dia 31 de julho, Matheus realizava entregas por aplicativo em um condomínio de luxo quando aconteceu o fato. No vídeo, é possível ver o morador ofendendo o motoboy, o chamando de analfabeto e desmerecendo seu trabalho. "Você trabalha como motoboy, é semianalfabeto, moleque. Quanto você tira por mês? ", questionou o homem. O entregador então rebateu, dizendo: "não importa”.

Ainda durante o vídeo, o morador afirma que o entregador tem inveja das pessoas que moram no condomínio. “Você não tem onde morar, moleque, você tem inveja disso aqui, tem inveja das famílias que moram aqui”, esbravejou o homem.

O caso gerou bastante repercussão em todo o Brasil, e está sendo um dos assuntos mais comentados na redes sociais.

NOTÍCIA RELACIONADA

Motoboy é humilhado em condomínio de luxo em SP; veja vídeo

Mais conteúdo sobre: