Esportes

Conmebol cogita Copa América com público nos estádios em 2021

Dirigente da entidade afirmou que vacina contra o coronavírus vai agilizar processo de retorno dos torcedores aos estádios; sem vacinação, público dever ser pacial.

Por  Estadão Conteúdo

A Conmebol estuda a possibilidade de realizar a Copa América de 2021 com público nos estádios, caso suja uma vacina eficaz no combate ao coronavírus. Existe a possibilidade de os estádios receberem torcedores em sua capacidade máxima durante o torneio que será disputado em meados de 2021 na Argentina e na Colômbia. "A projeção é fazer a Copa América com público total caso haja a vacina contra o coronavírus", disse o secretário-geral adjunto de futebol e diretor de desenvolvimento, Gonzalo Belloso, em entrevista à Reuters.

O dirigente deixou claro que a decisão dependerá das autoridades de Argentina e Colômbia, países-anfitrião tanto para permitir as partidas com público quanto para a entrada de torcedores estrangeiros em cada país. A entrada de torcedores nos moldes das disputas anteriores é questionada por causa da pandemia e da aglomeração. Existe também a possibilidade de limitar a entrada de torcedores para uma porcentagem da capacidade das arenas, isso se não tiver a vacina ou se ela não chegar a todas as pessoas num curto espaço de tempo. "Caso não seja possível, também já projetamos os jogos com a possibilidade de que seja com 30%, 40% de capacidade dos estádios”, acrescentou o dirigente.

O dirigente indicou que Libertadores e Sul-Americana continuarão sendo disputadas sem público até a conclusão das edições de 2020, mas disse que o Conselho da Conmebol avaliará a situação para as datas duplas da Eliminatória sul-americana de novembro. A ideia e o próximo passo do futebol e abrir os portões ao público. "Se houver algum país que possa liberar o torcedor, nós vamos analisar o caso no próximo conselho da entidade", disse Belloso.

Nenhuma competição no Brasil recebe público atualmente, nem dos torneios organizados pela Conmebol. A Argentina retomou seu futebol há um mês.

Mais conteúdo sobre: