Teresina - PI

Coronavírus: veja o que muda no comércio de Teresina a partir de hoje

O Governo do Estado e do Município decidiram que bares, academias, restaurantes e shoppings devem fechar. No Centro, algumas lojas funcionam em horários diferenciados.

Davi Fernandes
Teresina
- atualizado

Após o aumento de casos suspeitos e confirmados de coronavírus em Teresina, o Sindicato dos Lojistas do Comércio do Estado do Piauí (Sindilojas-PI) resolveu reduzir o horário do comércio da Capital. O Governo do Estado e do Município decidiram que bares, academias, restaurantes e shoppings devem fechar.

O Instituto de Negócios do Piauí seguindo as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS), Ministério da Saúde e atendendo ao decreto de calamidade pública do Governo do Estado do Piauí decidiu suspender as atividades do Shopping da Cidade por um período de 10 dias, portanto, a partir deste sábado (21) ele estará fechado e volta a abrir no dia 31 de março de 2020.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Shopping da Cidade em TeresinaShopping da Cidade em Teresina

Ainda no Centro de Teresina, as lojas passarão a funcionar de segunda a sexta, das 9h às 16h, e aos sábados, no horário de 9h às 13h. Uma das orientações repassadas aos lojistas é sobre a disponibilização de álcool em gel na entrada nas lojas para que os clientes possam higienizar as mãos.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Centro de Teresina Centro de Teresina

Shoppings

O Teresina Shopping informou nesta sexta-feira (20), que a partir deste sábado vai funcionar somente os serviços essenciais, então seguem abertas dentro do horário de 10h as 22h, as drogarias Globo, Pague Menos e o Hiperbompreço, pois os estabelecimentos são considerados de serviços essenciais.

O Shopping Rio Poty comunicou que segue fechado por completo, por tempo indeterminado. O Riverside Shopping segue aberto somente os serviços essenciais, como a Padaria Ideal, Carvalho Super e Drogaria Globo, que poderão operar em horário normal.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Wellington Dias assina decreto de calamidade pública devido ao coronavírus

Firmino Filho anuncia que academias, bares e shoppings serão fechados