Teresina - PI

Integrante da facção "Bonde dos 40" é preso pela Depre em Teresina

Os policiais constataram que ele havia sido preso na “Operação Codinome” deflagrada no dia 14 de janeiro, mas fugiu do cerco policial.

Willyam Ricardo
Teresina
Brunno Suênio
Teresina
- atualizado

A Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (DEPRE) deflagrou na manhã desta sexta-feira (28), por volta de 6h, uma operação que resultou na prisão de um criminoso identificado somente pelas iniciais A.L da C. de 26 anos. Ele era foragido e alvo da “Operação Codinome”. A prisão ocorreu no Beco da Mariquesa, no bairro Santo Antônio, zona sul de Teresina.

Em entrevista exclusiva ao GP1, o delegado Cadena Júnior, coordenador da DEPRE, afirmou que o criminoso tentou fugir pulando em cima do teto das casas vizinhas. Os policiais constataram que ele havia sido preso na “Operação Codinome” deflagrada no dia 14 de janeiro, mas fugiu do cerco policial. Ainda de acordo com o delegado, ele é membro de uma facção criminosa chamada “Bonde dos 40”.

  • Foto: Brunno Suênio/GP1Delegado Cadena JúniorDelegado Cadena Júnior

“No momento que o pegamos, nós identificamos ele como um foragido da Operação Codinomes e ele faz parte de uma facção criminosa, possivelmente, do Bonde dos 40. Ele participou de um tiroteio contra uma facção rival, que é o PCC, que ocorreu no mês de outubro, no bairro Costa Rica. Inclusive, tem vários vídeos sobre isso, foi muito falado na época sobre essa situação, cobravam as prisões, isso em outubro de 2019. Conseguimos fazer as prisões no dia 26 de janeiro e ele foi o único que conseguiu fugir do cerco policial. Hoje, depois de praticamente um mês, a gente conseguiu prender ele tranquilo lá na casa da mãe dele”, explicou o delegado.

Ainda de acordo com o Cadena Júnior, durante a operação, um casal ainda foi preso em flagrante pelo crime de tráfico de drogas. Os presos foram encaminhados para a Central de Flagrantes de Teresina para a realização dos procedimentos cabíveis ao caso. O membro da facção criminosa será encaminhado para o sistema prisional.

Entenda o caso

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada em Prevenção e Repressão a Entorpecentes (Depre) deflagrou no início da manhã desta sexta-feira (28), a "Operação Codinomes", nos estados do Piauí, Maranhão e São Paulo com objetivo de prender membros de facções criminosas.

De acordo com o secretário de Segurança Pública, Fábio Abreu, ao todo 26 pessoas foram presas. "Essa operação aconteceu simultaneamente nos estados do Piauí, Maranhão e São Paulo. Conseguimos prender 26 pessoas com envolvimento em facções criminosas especializadas em tráfico de drogas. No Piauí, elas foram presas em Teresina e Demerval Lobão", informou.

Segundo o secretário, os acusados presos eram membros de duas facções. "O objetivo dessa ação era preender membros de duas facções, PCC e Bonde dos 40, que são consideradas altamente perigosas", ressaltou Fábio Abreu.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Depre deflagra operação e prende membros de facções criminosas

Em áudios, presos na Operação Codinomes combinam 'matar 2 por semana'

Áudio revela que presos na Operação Codinomes queriam matar advogado

Mais conteúdo sobre: