Parnaíba - PI

Parnaíba é a 1ª cidade do Piauí a registrar caso de reinfecção pela covid-19

O número de casos na cidade passou de 578 para 634 em 24h, ou seja, um aumento de 56 infectados.

Jeyson Moraes
Teresina
- atualizado

A Prefeitura de Parnaíba divulgou novo boletim epidemiológico, na noite de terça-feira (2), informando que a cidade registrou o primeiro caso de reinfecção pelo coronavírus no Piauí. O número de casos passou de 578 para 634 em 24h, ou seja, um aumento de 56 infectados.

Em relação ao caso de reinfecção, a prefeitura informou que se trata de um paciente que fez o primeiro tratamento no dia 27 de abril, teve alta no dia 10 de maio e nesta terça (2) voltou a testar positivo para a doença.

Em relação ao número de óbitos, nove pessoas já morreram em Parnaíba devido a covid-19. Segundo os dados do novo boletim, cerca de 365 pessoas estão em isolamento domiciliar e 250 pessoas já estão curadas da doença.

Não houve mudanças em relação a situação de internações na cidade, são 7 pacientes internados em leitos clínicos e três pessoas em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs).

A taxa de crescimento da doença está em 98% e a taxa de recuperação é de 39%. Parnaíba é a segunda cidade do Piauí com mais casos confirmados da doença, perdendo apenas para a capital Teresina, que registrou 2.531 casos até esta terça.

Situação no Piauí

Dados do boletim epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde (Sesapi), divulgados na noite desta terça-feira (02), apontam que subiu para 192 número de mortes em decorrência do novo coronavírus (covid-19). O número de casos da doença também subiu, passando de 5.506 para 5.828, ou seja, 322 casos confirmados em 24 horas.

As cidades de Teresina (101), Parnaíba (9) e Água Branca (7) lideram a lista de mortes pela doença no Piauí. Das mortes registradas nesta terça, seis pacientes são do sexo masculino e seis do sexo feminino.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Piauí registra mais 12 mortes em 24h e chega a 192 óbitos pelo coronavírus

Brasil tem 31.199 mortes e 555.383 casos confirmados de coronavírus