Água Branca - PI

Terceiro acusado de matar o PM Frantiaiallo Gonçalves é capturado

Em entrevista ao GP1, o tenente-coronel Cordeiro, comandante do 18º Batalhão da Polícia Militar, contou que o acusado foi apreendido na casa dos pais, quando preparava uma fuga para outro estado.

Fábio Wellington
Teresina
- atualizado

O terceiro suspeito de ter executado o soldado do 16º Batalhão da Polícia Militar do Maranhão, Frantiaiallo Gonçalves Pereira Silva, foi capturado no final da manhã deste sábado (29) no município de Água Branca, quando se preparava para deixar a casa de familiares e fugir para outro estado. Frantiaiallo Gonçalves Pereira Silva, de 31 anos, foi morto com um tiro no tórax na frente da Jelta Veículos, na Avenida João XXIII, zona leste de Teresina, na tarde dessa sexta-feira (28).

Em entrevista ao GP1, neste sábado, o tenente-coronel Cordeiro, comandante do 18º Batalhão da Polícia Militar de Água Branca, contou que o acusado tem 17 anos de idade e foi apreendido dentro da casa dos pais.

  • Foto: Reprodução/WhattsappTerceiro acusado de matar PM do Maranhão é presoTerceiro acusado de matar PM do Maranhão é apreendido

“Os pais dele moram aqui na cidade. Então montamos uma campana na região e quando tivemos a certeza que ele estava aqui, fechamos o cerco e realizamos a apreensão. Ele já estava com tudo preparado para fugir para outro estado. Esse indivíduo que nós apreendemos aqui já é um velho conhecido, tem várias passagens pela polícia”, informou o tenente-coronel.

O alvo foi levado por uma equipe da Polícia Civil para ser apresentado na Central de Flagrantes de Teresina. O caso está sendo investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa – DHPP.

Entenda o caso

Um soldado da Polícia Militar do Maranhão, identificado como Frantiaiallo Gonçalves Pereira Silva, foi assassinado com um tiro na tarde desta sexta-feira (28), por volta de 16h30 em frente à Jelta Veículos, na Avenida João XXIII, na zona leste de Teresina.

Segundo a Polícia Militar do Piauí, a vítima estava esperando sua noiva na frente da Jelta Veículos, quando os bandidos que estavam em um Fiat Uno, de cor branca, abordaram o soldado e efetuaram o disparo de arma de fogo, sem conseguir levar nenhum dos pertences do soldado.

  • Foto: Reprodução/WhatsAppIdentificação do soldadoIdentificação do soldado

Cerca de 40 minutos depois, a PM conseguiu localizar o primeiro suspeito de participação no crime, que havia fugido a pé. Um policial à paisana, que estava a 300 metros do local do crime, conseguiu capturá-lo.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1PM prendeu um dos suspeitos de assassinar o soldadoPM prendeu um dos suspeitos de assassinar o soldado

Em diligências contínuas, os policiais conseguiram encontrar o carro utilizado pelos bandidos e assim prenderam o segundo acusado de participação na morte de Frantiaiallo Gonçalves Pereira Silva, que foi detido na BR 343, próximo ao balão da Miguel Rosa, na zona sul de Teresina.

Já na manhã de hoje, o último suspeito acabou sendo preso em Água Branca. A possível arma usada no crime e o veículo foram apreendidos.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Soldado da Polícia Militar é assassinado na Avenida João XXIII

Suspeito de assassinar policial militar é preso no bairro São João

Segundo suspeito de matar o policial Frantiaiallo Gonçalves é preso