Saúde

Uso precoce da hidroxicloroquina ajudou a salvar pacientes com covid-19, diz estudo americano

Para o pesquisador Marcus Zervos, o tratamento com hidroxicloroquina em combinação com azitromicina foi o responsável pela redução na mortalidade de pacientes com a doença.

Victória Xavier
Teresina
- atualizado

Pesquisadores do Sistema de Saúde Henry Ford, localizado nos Estados Unidos, detectaram que o uso precoce da hidroxicloroquina ajudou os pacientes a se curarem mais rápidos da covid-19 e com isso diminui o risco de morte.

Conforme o estudo, o medicamento foi capaz de reduzir em 66% a taxa de risco dos pacientes. As pessoas diagnosticadas com covid-19 que usaram hidroxicloroquina com azitromicina tiveram uma redução maior, um total de 71% em relação aos pacientes que não fizeram uso desses medicamentos.

Para o chefe da unidade de doenças infecciosas do Sistema de Saúde Henry Ford, Marcus Zervos, o tratamento com hidroxicloroquina em combinação com azitromicina foi o responsável pela redução na mortalidade de pacientes com a doença.

O presidente Donald Trump elogiou os resultados do estudo e classificou a pesquisa como 'notícia fantástica’. “Esse é o mesmo medicamento que a mídia e a campanha da oposição passaram semanas tentando desacreditar e espalhar o medo e a dúvida, porque o presidente Trump se atreveu a mencioná-lo como um tratamento potencial para o coronavírus", escreveu os apoiadores de Trump.

Richard Grenell, ex-diretor interino de Inteligência dos Estados Unidos, também comemorou o resultado do estudo e mencionou o apoio do presidente Donald Trump no uso da hidroxicloroquina. "Tão poucas pessoas morreram porque tomaram a droga sugerida pelo presidente Donald Trump. Obrigado, Trump por fazer a coisa certa, mesmo diante de várias pessoas atacando você, não importa o que você faça", escreveu o ex-diretor interino de Inteligência Nacional Richard Grenell.

Trump já havia declarado para jornalistas que apoiava o uso do medicamento em suas redes sociais. “Agora, um medicamento chamado cloroquina, e algumas pessoas adicionariam a ele, hidroxicloroquina, então a cloroquina ou a hidroxicloroquina [mostrou] resultados iniciais muito encorajadores”, contou Trump durante entrevista na Casa Branca em março de 2020.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Hidroxicloroquina doada pelos EUA será usada para prevenção, diz Itamaraty

OMS vai retomar testes com hidroxicloroquina no tratamento da covid-19

EUA anunciam envio de 2 milhões de doses de hidroxicloroquina para o Brasil