Entretenimento

Whindersson Nunes sobre depressão: 'hoje me sinto bem para falar'

Entrevista com o humorista piauiense foi ao ar na noite deste domingo (14), no Fantástico.

- atualizado

O humorista piauiense Whindersson Nunes, de 24 anos, condeceu uma entrevista ao Fantástico, da Rede Globo, que foi ao ar neste domingo (14). Apesar de ser um dos comediantes mais populares do mundo e ter muito dinheiro, o youtuber relatou como é conviver com uma doença que faz parte do seu dia dia há alguns meses, a depressão.

A jornalista Ana Carolina Raimundi, iniciou a entrevista comentando: “Você está rico, é jovem, recém-casado, apaixonado, famoso, popular na internet... E com depressão. Você ouviu de muita gente 'esse cara não pode ter depressão, como é que esse cara tem depressão?”.

  • Foto: Tv GloboWhindersson em entrevista ao FantásticoWhindersson em entrevista ao Fantástico

Whindersson Nunes disse que é justo falarem. “É justo o questionamento das pessoas. É justo. Poxa, tem tudo, tem dinheiro, tem a viagem dos sonhos, tem isso, tem aquilo. E eu que sou trabalhador, brasileiro, trabalho de 6h às 18h, tenho criança pra sustentar, tenho três filhos e isso e aquilo, eu que deveria ter. Tipo... Não é algo que me revolta, porque a pessoa fala isso. Na verdade, é um problema pra mim. Porque eu penso: 'Poxa, realmente eu não devia ter passado por isso."

Ele relatou que já estava sofrendo muito antes dos tuítes. Questionado sobre o que sentia, o piauiense fala que eram vários sentimentos. “Era um mix de muitas coisas, uma das sensações era revolta, eu ficava muito revoltado, principalmente depois das turnês, eu rodava o Brasil inteiro, vi muita coisa, chegou um momento que você fica com aquela revolta toda de porquê eu tenho tanta coisa e as outras pessoas não tem", contou.

Aplicativo

Sobre os novos projetos, Whindersson disse que está trabalhando em um aplicativo para auxiliar pessoas que têm depressão como ele, mas não possui dinheiro. "A intenção do aplicativo é conectar gente que precisa de ajuda com gente que pode ajudar. Só que essas pessoas que querem ajudar são profissionais, voluntários”, explicou o humorista.

A volta de Whindersson aos palcos está marcada para o dia 18 de agosto, em São Paulo. "Hoje eu me sinto bem pra falar e, quem quiser perguntar, pode perguntar e eu vou falar. Eu me sinto feliz, eu me sinto uma pessoa feliz. Sinto que eu estou fazendo o que tinha pra fazer, que eu encontrei um sentido", completou.

*Repórter Jeyson Moraes

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Fantástico exibe entrevista com humorista Whindersson Nunes

Youtuber Whindersson Nunes anuncia retorno aos palcos

Whindersson Nunes quer lançar app para atendimento psicológico gratuito

Whindersson Nunes some das redes sociais após revelar depressão

Mais conteúdo sobre: