GP1

Teresina - Piauí

Georgiano diz que PSD vai brigar pela vice de Rafael Fonteles

"O projeto de candidatura majoritária é algo que tratamos com muito empenho", disse o deputado.

O PSD promete brigar com afinco pela vaga de vice na chapa majoritária do Governo do Piauí que deverá ser liderada em 2022 pelo secretário de Estado da Fazenda, Rafael Fonteles (PT). O GP1 conversou nessa terça-feira (12), com o deputado estadual Georgiano Neto e ele adiantou que o partido vai se reunir nos próximos dias com o governador Wellington Dias (PT-PI), onde serão apresentadas as estratégias e metas para o ano que vem.

Questionado por nossa reportagem sobre a reorganização da base, o deputado disse que não foi tratada sobre a ampliação de espaços para a legenda, embora reconheça que este é um pleito antigo e que já foi discutido com o chefe do Palácio de Karnak no passado. Na mesma ocasião, Georgiano reforçou que independente de acomodações futuras, o PSD permanecerá focado na vice.

Foto: Lucas Dias/GP1Deputado estadual Georgiano Neto
Deputado estadual Georgiano Neto

“Não chegou convite por parte do governador para que o PSD amplie seus espaços. Existe uma reivindicação antiga do partido, mas o nosso projeto maior é a participação na chapa majoritária. Algo que o partido trabalha com muita força e dedicação. Estamos unidos nesse projeto. O projeto de candidatura majoritária é algo que tratamos com muito empenho, algo que não vamos buscar compensação. Nós queremos estar na chapa majoritária”, disse Georgiano.

MDB

A vaga de vice está sendo prometida ao MDB, na pessoa do presidente da Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi), deputado estadual Themístocles Filho. Entretanto, o PSD promete entrar na ‘briga’ pelo espaço.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.