GP1

Teresina - Piauí

Homem é executado a tiros enquanto lavava carro na Avenida Maranhão

Segundo informações de populares, o rapaz estava trabalhando quando foi atingido com os disparos.

Marcelo Cardoso/GP1 1 / 14 Força Tática do 1º BPM atendeu a ocorrência, juntamente com o DHPP Força Tática do 1º BPM atendeu a ocorrência, juntamente com o DHPP
Marcelo Cardoso/GP1 2 / 14 DHPP vai investigar o caso DHPP vai investigar o caso
Marcelo Cardoso/GP1 3 / 14 O crime ocorreu próximo ao Corpo de Bombeiros O crime ocorreu próximo ao Corpo de Bombeiros
Marcelo Cardoso/GP1 4 / 14 A perícia da Polícia Civil está realizando a investigação inicial A perícia da Polícia Civil está realizando a investigação inicial
Marcelo Cardoso/GP1 5 / 14 A vítima estava trabalhando quando foi morta A vítima estava trabalhando quando foi morta
Marcelo Cardoso/GP1 6 / 14 Segundo testemunhas dois bandidos abordaram o rapaz Segundo testemunhas dois bandidos abordaram o rapaz
Marcelo Cardoso/GP1 7 / 14 Delegado Genival Vilela, do DHPP Delegado Genival Vilela, do DHPP
Marcelo Cardoso/GP1 8 / 14 Delegado Genival Vilela Delegado Genival Vilela
Marcelo Cardoso/GP1 9 / 14 Polícia civil vai investigar Polícia civil vai investigar
Marcelo Cardoso/GP1 10 / 14 Polícia militar no local Polícia militar no local
Marcelo Cardoso/GP1 11 / 14 Local onde aconteceu o crime Local onde aconteceu o crime
Marcelo Cardoso/GP1 12 / 14 Trânsito ficou lento Trânsito ficou lento
Marcelo Cardoso/GP1 13 / 14 Polícia isolou a área Polícia isolou a área
Marcelo Cardoso/GP1 14 / 14 Populares no local Populares no local

Um homem identificado como Emerson Vieira, 21 anos, foi assassinado a tiros na tarde desta quarta-feira (17), por volta de 15h, na Avenida Maranhão, no bairro São Pedro, na zona sul de Teresina. O rapaz estava trabalhando como lavador de carros quando foi morto na presença de várias pessoas.

Conforme relatos de testemunhas próximas à vítima, Emerson é egresso do sistema prisional, respondia por tráfico de drogas e estava trabalhando como lavador de carros no local há cerca de um mês. Segundo o delegado Genival Vilela, a vítima acabou sendo surpreendida pelo atirador, quando lavava um veículo de um cliente. Depois de efetuar oito tiros, o acusado emprendeu fuga em um moto, juntamente com um comparsa.

“Esse rapaz estava trabalhando aqui como lavador de carros e então, chegaram dois indivíduos em uma motocicleta e efetuaram disparos de arma de fogo e depois fugiram. A perícia inicial apontou que ele foi atingido com pelo menos 8 disparos nas costas. Agora passamos a investigar no sentido de identificar os indivíduos. Até o momento, nos informaram que ele tem passagem pela polícia, por tráfico de drogas e, provavelmente, ocorreu algum problema anterior entre ele [a vítima] e alguém”, informou o delegado.

Sem chances de defesa, Emerson Vieira não conseguiu escapar e morreu ainda no local. Uma equipe do 1º Batalhão da Polícia Militar do Piauí – PM-PI – isolou a área para os levantamentos da Perícia Criminal e o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa – DHPP – irá iniciar a investigação do caso.

Sete pessoas mortas em menos de uma semana

Somente nesta semana, esse já é o quinto homicídio registrado em Teresina. A semana começou com o caso dos jovens Luian Oliveira, de 16 anos, e Anael Natan, de 17 anos, que estavam desaparecidos desde a madrugada do último sábado (13) e foram encontrados em estado de decomposição na tarde desta segunda-feira (15).

Nesta segunda-feira (15), Thalyson Pedreira de Sousa, de 21 anos, foi executado com vários disparos de arma de fogo, no residencial Parque Brasil IV, na região da Grande Santa Maria da Codipi, zona norte de Teresina.

Na terça-feira (16) um morador de rua conhecido apenas como "Paulista" foi encontrado morto, por volta de 6h, ao lado de uma borracharia no cruzamento das avenidas Gil Martins e Barão de Castelo Branco, no bairro Monte Castelo, na zona sul de Teresina. Ainda ontem, Pedro Josef foi perseguido e executado a tiros, na Avenida Duque de Caxias, em frente a autoescola Jockey.

O último caso registrado, foi do pedreiro Marcelo Mendes da Silva, 35 anos, que morreu na noite desta terça-feira (16) após ser baleado com um tiro no peito em um assalto no residencial Parque Brasil, região da grande Santa Maria da Codipi, zona norte de Teresina.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.